Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Sanofi investe 610 milhões em novos centros de investigação para vacina

A farmacêutica francesa vai investir mais de 600 milhões de euros em dois centros de investigação e produção da vacina contra a covid-19 em França.

DR
Gonçalo Almeida goncaloalmeida@negocios.pt 16 de Junho de 2020 às 15:14
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
A gigante farmacêutica Sanofi planeia investir cerca de 610 milhões de euros em dois novos centros de investigação e produção da vacina contra a covid-19 em França, depois de o presidente gaulês, Emmanuel Macron, ter visitado algumas das atuais instalações da empresa em Lyon.

De acordo com um comunicado da cotada, divulgado pela Bloomberg, este novo esforço vai permitir à Sanofi reforçar o seu poderio na corrida à vacina que combata a covid-19, tanto na investigação e obtenção da mesma, como na sua posterior produção em série, caso os testes sejam bem sucedidos. 

O CEO da Sanofi, Paul Hudson, diz que com que investimento a empresa "coloca França no centro da sua estratégia, almejando fazer do país um centro de classe mundial na investigação e produção da vacina". 

A corrida pela obtenção da vacina tem conhecido novos capítulos nos últimos dias, com vários países da União Europeia a investirem largas quantidades de dinheiro para garantir várias doses da vacina. 

Ontem soubse-de que Itália, Alemanha, Países Baixos e França chegaram a um acordo com a AstraZeneca para pagarem 750 milhões de euros para garantirem 300 milhões de doses de uma potencial vacina contra a covid-19.

Para além disso, a Alemanha está a equacionar comprar uma participação de cerca de 23% na CureVac AG, uma biofarmacêutica que está a desenvolver uma vacina contra a covid-19, por 300 milhões de euros, numa tentativa do Governo de garantir um fornecedor de uma potencial vacina.
Ver comentários
Saber mais Lyon França Sanofi Emmanuel Macron Alemanha Informação sobre empresas política
Outras Notícias