Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Sondagem: Portugal mais bem preparado para a pandemia que Espanha, Itália e Reino Unido

A grande maioria dos portugueses considera que o país está tão ou mais bem preparado para enfrentar a pandemia do que Espanha, Itália, França ou o Reino Unido, revela uma sondagem.

Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 31 de Março de 2020 às 18:40
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...

A grande maioria dos portugueses considera que o país está tão ou mais bem preparado para enfrentar a pandemia do que Espanha, Itália, França ou o Reino Unido, revela uma sondagem da Marktest divulgada esta terça-feira.

 

Face a Itália, o país com maior número de mortes pela covid-19 em todo o mundo, 62,3% dos inquiridos defende que Portugal está mais bem preparado e 26,1% diz que a preparação é idêntica. Apenas 11,6% considera que Itália tem melhor capacidade para lidar com o surto.

 

Também em relação ao país vizinho a opinião maioritária (48,3%) é de que Portugal está mais bem preparado, sendo que 40,3% refere que o país está igualmente preparado face a Espanha e 11,4% afirma que os espanhóis lidam melhor com a pandemia.

 

Quando a comparação é feita com o Reino Unido, 48% diz que Portugal está mais bem preparado, 34,3% considera que a preparação é igual e 17,7% entende que os britânicos lidam melhor com a covid-19.

 

No "confronto" com França a preparação portuguesa surge em vantagem para apenas 25,7% dos inquiridos, mas mais de metade (50,7%) vê a resposta das autoridades como idêntica nos dois países. Há ainda 24% que considera que França está mais bem preparada.

 

Apenas quando a comparação é feita com a Alemanha é que Portugal surge em clara desvantagem: só 14,5% defendem que o nosso país está mais bem preparado, 36,4% considera que estão ao mesmo nível e 49,1% indica que os germânicos estão melhor preparados.

 

Nota Técnica:

A presente sondagem foi realizada pela Marktest, através de CAWI (Computer Assisted Web Intereview), junto de uma amostra de 505 inquiridos, com mais de 18 anos, residentes em Portugal Continental. Os resultados do estudo foram ponderados e extrapolados para o universo em estudo (8.250.000).

A recolha da informação decorreu entre os dias 24 e 25 de março de 2020. A selecção dos entrevistados fez-se com recurso ao Access Panel da Marktest. A partir deste Access Painel, procedemos a extrações aleatórias de potenciais entrevistados, de acordo com as regras definidas ao nível da seleção amostral (método de quotas pelas variáveis, género, idade e região Marktest). Para garantir a segurança da comunicação online, a Marktest utiliza um protocolo de segurança que permite salvaguardar a leitura e interceção, por terceiros, dos dados transmitidos no momento do preenchimento do inquérito.

O Access Panel da Marktest encontra-se devidamente registado na C.N.P.D. e a Marktest assegura um controlo rigoroso de qualidade e veracidade da informação registada pelos internautas inscritos no nosso Access Panel, bem como na gestão da selecção dos mesmos para as entrevistas que realizamos. Desde o dia 25 de maio de 2018, temos em vigor o RGPD (Política de Privacidade Marktest - http://www.marktest.com/wap/a/q/id~106.aspx). De assinalar ainda que a cumprimos integralmente com "28 Questions to Help Buyers of Online Samples" – ESOMAR.

A análise destes resultados é da exclusiva responsabilidade da Marktest. Os Índices apresentados decorrem de avaliações feitas pelos entrevistados em perguntas com recurso a escalas de avaliações de 0, nota mínima e 10 nota máxima, sendo o valor médio obtido convertido para um índice de 0 a 100 pontos.

Consideram-se avaliações positivas todas as respostas cuja nota atribuída numa escala de 0 a 10, se situem entre 6 e 10, e as avaliações negativas entre 0 e 4.

Ver comentários
Saber mais Portugal Reino Unido Itália Espanha França Marktest covid-19 sondagem
Outras Notícias