Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Desemprego aumenta 26,6% até Abril em Portugal

O desemprego registado em Portugal até ao final do mês de Abril último ascendeu a 423.595 indivíduos, o que representa um aumento de 26,6% face ao mês homólogo de 2002 e um crescimento de 0,6% face a Março anterior.

Isabel Aveiro ia@negocios.pt 13 de Maio de 2003 às 18:09
  • Partilhar artigo
  • ...

O desemprego registado em Portugal até ao final do mês de Abril último ascendeu a 423.595 indivíduos, o que representa um aumento de 26,6% face ao mês homólogo de 2002 e um crescimento de 0,6% face a Março anterior, divulgou hoje o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP).

De acordo com os dados do IEFP «os pedidos de emprego registados nos Centros de Emprego do Continente e Regiões Autónomas, no fim de Abril de 2003, totalizavam 466.459, o que significa mais 24,1% face ao período homólogo de 2002 e mais 0,7% face a Março deste ano».

Dos pedidos registados, adianta o IEFP, «423.595 eram relativos a desempregados, 14.778 a empregados que desejavam mudar de emprego, 23.000 a ocupados em programas especiais de emprego e 5.086 a candidatos temporariamente indisponíveis».

A procura de novo emprego representava 93,1% do total do desemprego verificado em Abril e o desemprego de curta duração tinha um peso de 63,8% do total, caindo 30,7% face a Abril de 2002. O desemprego de longa duração elevou-se 19,8% no período em análise.

O aumento de desemprego, tem termos homólogos, «fez-se sentir com maior incidência nos homens (mais 34,5%) e nos jovens (mais 28,3%)», adianta o instituto público.

Em sentido contrário as ofertas de emprego decresceram 6,1% face a Abril de 2002, atingindo os 9.858 registos. Tal prestação contudo representa uma melhora de 8% face ao mês de Março deste ano.

Ver comentários
Outras Notícias