Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Já é conhecida a equipa de João Leão à frente das Finanças

João Nuno Mendes, Cláudia Joaquim, Miguel Cruz e António Mendonça Mendes são os quatro secretários de Estado do Ministério que passa a ser tutelado por João Leão.

Lusa
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 12 de Junho de 2020 às 17:26
  • Assine já 1€/1 mês
  • 14
  • ...

O Presidente da República aceitou a proposta do Governo para os novos secretários de Estado no Ministério das Finanças, informa esta sexta-feira a presidência da República.

António Mendonça Mendes mantém-se como secretário de Estado dos Assuntos Fiscais subindo a secretário de Estado Adjunto, enquanto Cláudia Joaquim assume o cargo de Secretária de Estado do Orçamento, regressando assim ao Governo de António Costa, mas noutro ministério.

João Nuno Mendes, que liderou o grupo de trabalho para definir o apoio à TAP, é o novo secretário de Estado das Finanças e Miguel Cruz ocupa a Secretaria de Estado do Tesouro.

João Leão

João Leão
Ministro de estado e das Finanças João Leão, que era secretário de Estado do Orçamento, sobe a ministro das Finanças em substituição de Mário Centeno.

António Mendonça Mendes

António Mendonça Mendes
Secretário de Estado Adjunto e dos Assuntos Fiscais O secretário de Estado dos Assuntos Fiscais de Mário Centeno mantém-se no cargo e é promovido, na medida em que passa também a ser adjunto do novo ministro das Finanças, João Leão. António Mendonça Mendes pertence à máquina do PS e lidera a federação de Setúbal, uma das mais importantes a nível nacional. É advogado, licenciado em Coimbra, e já antes tinha passado pelo Executivo, nos governos de José Sócrates.

Secretária de Estado do Orçamento A ex-secretária de Estado da Segurança Social de Vieira da Silva regressa ao Governo, desta vez para liderar a secretaria do Orçamento. Cláudia Joaquim substitui João Leão, que sobe a ministro. Licenciada em Economia e mestre em Políticas Públicas, Cláudia Joaquim é, desde 2001, técnica superior do Instituto da Segurança Social. Recentemente, tem sido vogal da mesa da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

Secretário de Estado das Finanças João Nuno Mendes, o novo secretário de Estado das Finanças, liderava desde maio as negociações da ajuda de Estado ao Grupo TAP. No seu percurso político, destaca-se o exercício das funções de secretário de Estado do Planeamento entre 1999 e 2002 no XIV Governo da República. Neste segundo Governo liderado por António Guterres, João Nuno Mendes assumiu responsabilidades no domínio do terceiro quadro comunitário de apoio.

Miguel Cruz

Miguel Cruz
Secretário de Estado do Tesouro  O novo secretário de Estado do Tesouro é o único membro da equipa de João Leão sem qualquer experiência governativa. Doutorado em Economia pela London Business School, licenciado e mestre em Gestão pela Universidade Católica, Miguel Cruz foi presidente da Parpública e do IAPMEI. É atualmente embaixador em Portugal para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável - ODS das Nações Unidas/Global Compact Portugal.


A posse dos novos secretários de Estado terá lugar na próxima segunda feira, dia 15 de junho pelas 10h00, no Palácio de Belém, juntamente com a do novo ministro de Estado e das Finanças.

Cláudia Joaquim regressa ao Governo após um breve período como administradora da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. A sucessora do agora ministro João Leão foi secretária de Estado da Segurança Social no primeiro Governo liderado por António Costa.

Já João Nuno Mendes chega ao Executivo após ter presidido ao grupo de trabalho que acompanhou a situação na TAP. Antes de liderar o grupo de trabalho, João Nuno Mendes, que vem ocupar o lugar que pertencia a Ricardo Félix Mourinho, presidia à Águas de Portugal.

Miguel Cruz, que presidia à Parpública, substitui Álvaro Novo. O novo secretário de Estado presidiu ao IAPMEI antes de liderar a Parpública.

Cláudia Joaquim, de 45 anos, é licenciada em Economia pelo ISEG e integrou, como assessora e posteriormente como adjunta, o gabinete do secretário de Estado da Segurança Social durante o primeiro Governo liderado por José Sócrates.

João Nuno Mendes, por seu turno, volta, aos 47 anos, a integrar um Executivo, após ter sido secretário de Estado do Planeamento em 1999, quando António Guterres era primeiro-ministro. Antes, entre 1996 e 1999, foi assessor de Guterres. Licenciado em gestão pelo ISEG, João Nuno Mendes trabalhou na Amorim Imobiliária e Amorim Turismo, tendo depois transitado para a Galp.

Miguel Cruz é o mais experiente dos novos secretários de Estado, tendo-se licenciado em Economia pela Universidade Católica em 1990. Após uma breve passagem pela banca, entre 1993 e 1994, Miguel Cruz trabalhou em diversas entidades ligadas à inovação e modernização da economia, tendo, em 2012 assumido a presidência do Conselho de Administração da AdI - Agência de Inovação. 

Entre 2014 e 2017 presidiu ao IAPMEI, de onde saiu para ocupar a presidência da Parpública.

(notícia atualizada)

Ver comentários
Saber mais Ministério das Finanças João Leão presidência da República secretários de Estado
Mais lidas
Outras Notícias