Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Autárquicas: Rui Rio quer subir votação mas aponta a eleições de 2025

O presidente do PSD, Rui Rio, defendeu esta segunda-feira que uma subida da votação do partido nas autárquicas de setembro seria um impulso para as eleições de 2025, quando "mais de 70" dos atuais autarcas do PS não poderão recandidatar-se.

Nuno Fox
Lusa 30 de Agosto de 2021 às 22:13
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...


"Se fizermos um bom trabalho em 2021 e tivermos uma subida à escala nacional" nas eleições autárquicas de 26 de setembro, daqui a quatro anos "podemos reconquistar muitas câmaras", disse Rui Rio em declarações à agência Lusa.

Numa visita a Ourique (Beja), o líder social-democrata acrescentou que "o momento ideal" para o PSD ter mais câmaras municipais será "daqui a quatro anos", depois de em 2013 terem saído "os primeiros autarcas por força do cumprimento de três mandatos".

"Eu fui um deles e saíram todos os que tinham 12 anos [de mandato] ou até 20 anos. O que acontece é que na próxima vez", em 2025, "vão mudar muitos autarcas", "particularmente" do PS, "que foi quem em 2013 ganhou mais" câmaras, argumentou.

O presidente do PSD frisou ainda que a "implantação autárquica é aquilo que um partido pode ter de mais importante em termos estruturais".

"Aquilo que dá a grande força a um partido à escala nacional é o número de autarcas que elege", reforçou.

Rui Rio falava à Lusa depois de uma visita a uma unidade de transformação artesanal de porco preto na localidade de Garvão (Ourique) e de contactos com a população na sede deste concelho alentejano.

A Câmara de Ourique foi liderada pelo PSD em seis mandatos, o último dos quais de 2001 a 2005, sendo desde então governada pelo PS.

Agora, em 2021, é neste município que Rui Rio tem a maior expectativa de uma vitória social-democrata nas próximas eleições autárquicas na região do Baixo Alentejo.

"No dia 26 [de setembro] logo se vê quem ganha e quem perde", mas Ourique "é, no distrito de Beja, onde temos mais hipóteses de ganhar", afirmou.

O presidente do PSD assumiu igualmente a ambição de o partido sair deste ato eleitoral "com uma implantação territorial muito superior", numa região "tão difícil" para os sociais-democratas "como é o distrito de Beja".

"As expectativas são em todos os concelhos subir fortemente a votação" e, "fundamentalmente, subir fortemente em termos de eleitos", concluiu Rui Rio.

 

Ver comentários
Saber mais Rui Rio PSD PS política autárquicas
Outras Notícias