Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Farmacêuticas acordam redução de despesa com remédios hospitalares

Este ano o Estado vai gastar menos 122 milhões de euros com a farmácia hospitalar.

Paulo Duarte/Negócios
Marlene Carriço marlenecarrico@negocios.pt 24 de Setembro de 2013 às 23:08
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

O Ministério da Saúde e a Indústria Farmacêutica chegaram a acordo para reduzir a despesa com medicamentos e desta vez centraram-se na factura da farmácia hospitalar, aquela que tem sido mais difícil de baixar e controlar.

No âmbito do aditamento ao acordo firmado no ano passado – e que se traduziu numa redução de despesa, em 2012, de 170 milhões no mercado hospitalar e 130 milhões no ambulatório –, as empresas farmacêuticas vão este ano permitir ao Estado uma poupança de 122 milhões de euros na despesa hospitalar.

Em contrapartida, o Ministério da Saúde compromete-se a pagar a dívida total às farmacêuticas anterior a 31 de Dezembro de 2011 até ao final do próximo mês de Outubro, o que será possível graças aos 430 milhões que deram entrada com o rectificativo.

"É ainda acordado que o valor da dívida hospitalar a 31 de Dezembro de 2013 deverá ser inferior ao valor apurado a 31 de Dezembro de 2012", revela a Associação da Indústria Farmacêutica (Apifarma) em comunicado.

De acordo com os dados da indústria, em Agosto a dívida total dos hospitais rondava os 1..262 milhões de euros.

Este acordo permite assim atingir os objectivos firmados com a troika e garante o "acesso à inovação" aos portugueses", dizem os representantes da indústria.

Ver comentários
Saber mais farmacêuticas remédios hospitalares
Mais lidas
Outras Notícias