Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Salvador de Mello: Não haverá vacina para todos no primeiro semestre de 2021

O líder do grupo CUF falando na qualidade de presidente do Health Cluster Portugal aconselha uma boa gestão de expectativas em relação às vacinas para a covid-19. Vai demorar mais do que queríamos e "seguramente" não chegará a toda a população na primeira metade do próximo ano.

A carregar o vídeo ...
  • Assine já 1€/1 mês
  • 12
  • ...
Salvador de Mello reconhece que "tivemos nos últimos 10 dias notícias muito positivas" sobre as vacinas anti-covid em referência ao anúncio da Pfizer, mas aconselha que "tenhamos todos uma boa gestão de expectativas". "Estamos todos cansados, todos mito ansiosos para que haja uma vacina no terreno a curto prazo, mais isso pode ainda demorar", alerta.

Com efeito, embora o passo dado tenha sido muito relevante, o presidente  do Health Cluster Portugal e do grupo CUF considera que "o risco da vacina não chegar tão depressa quanto gostaríamos existe". Seria muito bom que no primeiro semestre de 2021 começasse a haver vacinas disponíveis mas seguramente não será ainda alargada a toda a população", prevê.

"Devemos esperar o melhor mas estarmos preparados para que seja um pouco pior do que isso. A vacina vai chegar, é só uma questão de tempo", vaticina.

Nesta entrevista ao Negócios e à Antena que irá para o ar no domingo às 12 horas e será publicada na edição de segunda-feira do jornal, o presidente do Health Cluster faz um balanço positivo da resposta do Governo, do SNS e dos prestadores privados e garante que há muita capacidade instalada dos privados que ainda pode ser usada.
Ver comentários
Saber mais Salvador de Mello Health Cluster Portugal CUF vacina covid-19
Outras Notícias