Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Produção automóvel mais do que duplica em junho e dá saldo positivo ao semestre

A produção automóvel em Portugal disparou em junho 139,3% face a igual mês do ano passado. Este desempenho permite que o semeste acabe por apresentar um crescimento de 3,2% em relação à primeira metade de 2021.

O transporte rodoviário para trabalhadores custa 5,6 milhões de euros (com IVA) por ano à Autoeuropa.
João Cortesão
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 11 de Julho de 2022 às 14:57
  • Partilhar artigo
  • ...
A produção automóvel em Portugal cresceu 139,3%, para 38.692 unidades, revelou esta segunda-feira a Associação Automóvel de Portugal (ACAP).

O desempenho de junho permite, aliás, que a produção acumulada na primeira metade do ano - 157.121 veículos - apresente um crescimento de 3,2% em termos homólogos.

Por tipo de veículos, saíram das fábricas nacionais 32.077 ligeiros de passageiros, uma subida de 169,9% face a junho de 2021, enquanto nos comerciais ligeiros as 6.031 unidades representam um aumento de 60,1%. Nos pesados a produção cresceu 12,7%, para 584 viaturas.

A Autoeuropa, maior fábrica nacional, produziu 29.859 veículos, um aumento de 174,2% em termos homólogos. Em junho do ano passado a escassez de "chips" levou a fábrica de Palmela a suspender a laboração por 12 dias, tendo produzido apenas 10.890 unidades.

A Stellantis de Mangualde (antiga PSA Mangualde) fechou o mês com uma subida homóloga de 76,5%, para 7.316 veículos. 

Já a Mitsubishi Fuso Trucks Europe, no Tramagal, viu a produção aumentar 27,7%, para 1.212 unidades. A Toyota Caetano contribuiu com 303 veículos, mais 63,8% do que um ano antes, e a CaetanoBus produziu dois autocarros, quando em junho de 2021 não tinha saído qualquer veículo da fábrica.
Ver comentários
Saber mais Portugal Associação Automóvel de Portugal ACAP produção automóvel
Outras Notícias