Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Director do Santander em Itália passa para o banco do Vaticano

O director de uma das unidades do Santander em Itália foi escolhido por Bento XVI para liderar os destinos do Instituto das Obras Religiosas, o nome do banco Vaticano. Ettore Tedeschi, substitui Ângelo Caloia, que sai juntamente com todos os restantes membros do Conselho de Administração.

Rui Peres Jorge rpjorge@negocios.pt 24 de Setembro de 2009 às 12:23
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O director de uma das unidades do Santander em Itália foi escolhido por Bento XVI para liderar os destinos do Instituto das Obras Religiosas, o nome do banco Vaticano. Ettore Tedeschi, substitui Ângelo Caloia, que sai juntamente com todos os restantes membros do Conselho de Administração. Segundo o Wall Street Journal a decisão visa implementar mais transparência numa instituição financeira que o jornal norte-americano descreve como uma das mais secretas do mundo.

Caloia liderava o banco religioso há duas décadas. O Vaticano anunciou ontem a decisão em comunicado sem explicar as razões da alteração.

Tedeschi, tem longa experiência na banca, liderava a unidade de banca de consumo do banco espanhol em Itália, ensina ética e finanças na Universidade Católica de Milão e é comentador de questões económicas no “L’Observatore Romano”, o diário do Vaticano. O WSJ diz que foi também um dos conselheiros de Bento XVI encíclica "Caridade na Verdade" publicada recentemente, onde o Papa se dedicou aos desafios que se colocam à ordem económica mundial.

Com Tedeschi (italiano) vão para o Instituto de Obras Sociais Carl Anderson, (norte-americano); Giovanni De Censi, (italiano); Ronaldo Hermann Schmitz (alemão) e Manuel Soto Serrano (espanhol).

Ver comentários
Outras Notícias