Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

JP Morgan bate estimativas de resultados. BlackRock aumenta lucros mas perde ativos

Wall Street abriu as portas à temporada de resultados nesta quarta-feira, com o JP Morgan a superar as expectativas. A BlackRock aumentou lucros, mas perdeu milhões de dólares em ativos sob gestão.

Ao que tudo indica, vamos registar um ano em que as principais economias se livraram de problemas e que se traduz no melhor período de crescimento de lucros desde 2011, tendência que deverá continuar em 2018. Reconhecemos que a expansão, neste momento, se encontra numa fase de bastante maturidade, mas a conjuntura em termos políticos e de inflação indica que o crescimento ainda nos poderá surpreender com a sua persistência, o que, na nossa opinião, justifica a manutenção de uma tendência pró-risco nas carteiras para o Ano Novo.
Reuters
Gonçalo Almeida goncaloalmeida@negocios.pt 13 de Outubro de 2021 às 15:30
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...
O JP Morgan foi o primeiro dos grandes bancos em Wall Street a dar o pontapé de saída nos resultados, com os números a ficarem acima do que era esperado pelos mercados à boleia de uma redução robusta no segmento das perdas em incumprimentos de crédito. 

Entre junho e setembro, o JP Morgan anunciou um lucro de 3,74 dólares por ação, o que corresponde a 11,6 mil milhões de dólares. Estavam a ser esperados 3 dólares por ação de acordo com um consenso de analistas compilado pela Refinitiv. As receitas tocaram os 30,44 mil milhões de dólares contra os 29,8 mil milhões previstos.

"O JPMorgan Chase apresentou bons resultados, já que a economia continua a apresentar um bom crescimento - apesar do efeito da variante Delta e das interrupções na cadeia de produção", disse Jamie Dimon, presidente-executivo do JPMorgan, em comunicado.

O banco obteve 2,1 mil milhões em reservas que tinha posto de lado logo no início da pandemia, em março de 2020, para cobrir potenciais perdas com empréstimos. O lucro líquido, excluindo o montante de reserva foi de 9,6 mil milhões de dólares.

Apesar dos números, o JP Morgan está a desvalorizar 1,86%.

BlackRock perde ativos
Além do "player" norte-americano, também o gigante BlackRock mostrou um lucro melhor do que o que era antecipado no terceiro trimestre deste ano, apesar de ter perdido vários milhões de dólares em ativos sob gestão. O banco de investimentos tem agora uma carteira de 9,5 biliões de dólares.

As receitas da empresa escalaram para os 5,1 mil milhões de dólares, excedendo as expectativas de 4,8 mil milhões. O lucro líquido foi de 1,68 mil milhões de dólares, enquanto que os ganhos ajustados por ação se situaram nos 10,95 dólares, acima da previsão de 9,39 dólares. 

A BlackRock anunciou um aumento de salários em 8% para a grande maioria de trabalhadores a partir de setembro. As ações da cotada estão a cair 12,5% nos últimos dois meses.

As ações da empresa sobem 2,5% nos primeiros minutos de negociação em Wall Street.
Ver comentários
Saber mais BlackRock JP Morgan Wall Street JPMorgan economia negócios e finanças Informação sobre empresas economia (geral) macroeconomia mercado e câmbios
Outras Notícias