Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Pedro Rebelo de Sousa vai liderar AG do BCP

O advogado Pedro Rebelo de Sousa deverá ser eleito presidente da mesa da assembleia-geral do BCP na próxima reunião de accionistas, convocada para 10 de Maio. A AG servirá ainda para confirmar nomeação dos administradores indicados pela Fosun.

Miguel Baltazar
Maria João Gago mjgago@negocios.pt 10 de Abril de 2017 às 19:26
  • Assine já 1€/1 mês
  • 5
  • ...

Pedro Rebelo de Sousa será o próximo presidente da mesa da assembleia-geral do BCP, caso a sua eleição seja aprovada na próxima reunião de accionistas do banco, que acaba de ser convocada para 10 de Maio. O advogado, irmão do Presidente da República, irá substituir o jurista António Menezes Cordeiro, que liderava a AG do banco desde a guerra accionista de 2007, nos próximos três anos.

Além de ser fundador e sócio da Sociedade Rebelo de Sousa & Advogados, o futuro líder da AG do BCP aceitou ser administrador não executivo do Haitong Bank, aguardando ainda a autorização do Banco Central Europeu. O advogado é também administrador não executivo da Cimpor e ocupa outros cargos não executivos em empresas como a Novabase e o grupo Sumolis. 

 

De acordo com a convocatória publicada esta segunda-feira, 10 de Abril, no site da CMVM, a reunião servirá ainda para aprovar as contas do ano passado, em que o BCP teve lucros de 23,9 milhões de euros, a confirmar a cooptação de dois administradores indicados pela Fosun. O grupo chinês que passou a ser o maior accionista do banco, depois do aumento de capital do início deste ano, escolheu João Nuno Palma, antigo administrador financeiro da CGD, para gestor executivo, e LinJiang Xu, da Fosun, para não executivo.

 

O encontro de accionistas destina-se ainda a avaliar o desempenho dos órgãos sociais e a aprovar a proposta de aplicação de resultados, como é habitual nas AG anuais.



(Notícia actualizada às 19:33)

Ver comentários
Saber mais BCP Pedro Rebelo de Sousa João Nuno Palma Linjiang Xu Nuno Amado
Outras Notícias