Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bruxelas aprova aquisição da FiatAvio pela Carlyle e Finmeccanica

A gestora de fundos norte-americana Carlyle e a empresa italiana de defesa Finmeccanica receberam a aprovação da Comissão Europeia para adquirir a FiatAvio, por 1,5 mil milhões de euros.

Ana Torres Pereira atp@negocios.pt 20 de Agosto de 2003 às 11:53
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A gestora de fundos norte-americana Carlyle e a empresa italiana de defesa Finmeccanica receberam a aprovação da Comissão Europeia para adquirir a FiatAvio, por 1,5 mil milhões de euros.

O Carlyle Group e a Finmeccanica, uma empresa de defesa controlada pelo Estado italiano, vão constituir uma nova companhia com vista a realizar esta aquisição, que será detida em 70% pela firma norte-americana especializada em investimentos.

A FiatAvio é umas das unidades mais rentáveis do Grupo Fiat e produz componentes para o foguetão Ariane 5 e aviões militares.

A Comissão Europeia «não considerou que a operação levantasse quaisquer problemas relativos à concorrência», divulgou a entidade em comunicado, acrescentando que, «mesmo no sector das turbinas, onde a Finmeccanica e a Avio estão presentes, não é levantado o problema da concorrência».

A Carlyle passará a deter 70% da FiatAvio, sendo que a Finmeccanica irá manter o remanescente.

A Fiat, que está em fase de reestruturação em consequência dos prejuízos consecutivos, tenciona eliminar 12,3 mil postos de trabalho e encerrar 12 fábricas.

No ano passado, a fabricante de modelos como o Lancia e Alfa Romeu, registou perdas de 3,9 mil milhões de euros.

As acções da Fiat seguiam nos 6,21 euros, a cair 1,25%, na Bolsa de Milão.

Outras Notícias