Empresas Dona da MultiOpticas "de olho" em assistentes de loja e optometristas

Dona da MultiOpticas "de olho" em assistentes de loja e optometristas

Durante uma semana, os interessados nestas vagas de emprego podem entregar o currículo nas próprias lojas do grupo GrandVision em Portugal. A iniciativa de recrutamento também acontece online.
Dona da MultiOpticas "de olho" em assistentes de loja e optometristas
Direitos Reservados
António Larguesa 09 de março de 2018 às 16:44

O grupo óptico que controla as marcas MultiOpticas, GrandOptical e Solaris vai estar a recrutar optometristas e assistentes para as lojas portuguesas entre os dias 12 e 18 de Março.

 

Esta "open week" de recrutamento vai decorrer em todas as lojas a nível nacional, onde os interessados nestas vagas de emprego – cujo número total não foi divulgado – podem fazer directamente a candidatura. Em alternativa, o currículo pode ser enviado pela Internet.

 

A retalhista GrandVision, que numa contagem feita há três anos empregava 720 pessoas e facturava cerca de 65 milhões de euros no mercado português, especifica, em comunicado, que no caso dos "talentos para a área de vendas" não é necessária uma especialização no ramo óptico, já que disponibiliza formação inicial aos trabalhadores.

 

Criada em 1997, a GrandVision Portugal gere directamente a MultiOpticas, que adquiriu em 2001 a um grupo espanhol, e tem como participadas a GrandOptical (segmento ’premium’) e a Solaris (óculos de sol). Em 2014, o grupo investiu mais de sete milhões de euros para construir uma unidade industrial de Vila Nova de Gaia, que arrancou com capacidade para fabricar 1,5 milhões de óculos graduados por ano.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
pub