Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Galp mantém dividendo de 2019 mas vai reavaliar valores nos próximos anos

A Galp vai manter o dividendo relativo aos resultados de 2019. Mas avisa que face ao “elevado impacto” que o negócio está a ter, vai avaliar o "modo de enquadrar" a política de dividendos "numa nova realidade”.

Galp Energia
Sara Ribeiro sararibeiro@negocios.pt 31 de Março de 2020 às 12:25
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

A Galp Energia vai manter a proposta de distribuição de dividendos de 0,70 euros por ação "com que se comprometeu com a comunidade financeira há apenas um mês e que se reporta aos resultados do exercício de 2019", garantiu fonte oficial da petrolífera ao Negócios. Porém deixa já o alerta que irá enquadrar a política de distribuição de dividendos "à nova realidade".

"Este período singular que atravessamos está a ter um elevado impacto nos negócios da empresa, pelo que a Galp avaliará oportunamente o modo de enquadrar aquela política numa nova realidade", explicou a entidade liderada por Carlos Gomes da Silva.

 

A petrolífera tinha anunciado há pouco mais de um mês que, tendo em conta o ritmo de crescimento que estava a registar, tinha planos de aumentar o dividendo em 10% ao ano até 2021. Um objetivo que será cumprido no exercício relativo a 2019, mas que poderá ser revisto para os próximos anos tendo em conta a pandemia do novo coronavírus que está a colocar a economia mundial em "stand by".

 

A Galp Energia informou ainda que, apesar do atual cenário, vai manter a realização da assembleia-geral marcada para dia 24 de abril.

"No atual contexto, marcado por grande volatilidade e imprevisibilidade, a Galp está a procurar manter a normalidade naquilo que é possível, incluindo no que respeita à sua vida societária".

Nesse sentido, "a assembleia geral irá manter-se na data anunciada ao mercado há poucos meses, embora em moldes inéditos, com recurso a meios telemáticos, cujos detalhes podem ser consultados através da convocatória disponível online", detalhou a petrolífera, acrescentando que o modelo adotado pela Galp encontra-se alinhado "com as guidelines da CMVM para esta situação de exceção".

Ver comentários
Saber mais Galp Energia energia dividendos
Outras Notícias