Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Primeiro posto de abastecimento de hidrogénio do país custará 1,5 milhões e ficará em Gaia

O posto será instalado no Parque da Lavandeira, na freguesia de Oliveira do Douro, e a proposta que visa o concurso público foi hoje aprovada por unanimidade em reunião camarária.

Reuters
Lusa 06 de Julho de 2020 às 17:45
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
O concelho de Vila Nova de Gaia vai acolher o primeiro posto de abastecimento de hidrogénio do país, num investimento de cerca de 1,5 milhões de euros, comparticipado pelo Fundo Ambiental, foi hoje revelado.

O posto será instalado no Parque da Lavandeira, na freguesia de Oliveira do Douro, e a proposta que visa o concurso público foi hoje aprovada por unanimidade em reunião camarária.

A comparticipação do Fundo Ambiental será de 750 mil euros fruto de uma candidatura lançada em setembro do ano passado, altura em que o presidente da Câmara de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, anunciou, também em reunião camarária, que a outra metade do financiamento seria distribuída pela autarquia e parceiros da candidatura.

Hoje, o autarca reiterou que com esta aposta procura "aproveitar uma oportunidade de financiamento e acolher o primeiro posto do país", um equipamento fundamentalmente dedicado a pesados, sendo expectativa de Eduardo Vítor Rodrigues que este posto venha a abastecer os veículos futuros da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP).

Em janeiro, sem especificar localizações, a Galp avançou, em comunicado, que estava a preparar o lançamento do primeiro posto de abastecimento de hidrogénio, apontando que "este deverá abrir ainda este ano para abastecer uma frota de autocarros", lia-se no comunicado da gasolineira.

"A mais longo prazo, a Galp está a avaliar outros projetos de larga escala, nomeadamente parcerias relacionadas com a produção de hidrogénio verde a partir de energias renováveis e a sua associação à descarbonização de processos industriais e à mobilidade, ou para injeção em redes de gás natural", indicou a empresa na mesma nota.

Este projeto chama-se "Hydrogen Refilling Station" e, de acordo com a proposta hoje levada a reunião de câmara, "o município compromete-se à concessão do uso privado do domínio público para a instalação e exploração deste posto pelo prazo de 15 anos".

A proposta terá ainda de ser discutida e votada em Assembleia Municipal.

A reunião de Vila Nova de Gaia desta tarde também ficou marcada pela aprovação unânime do contrato-programa de desenvolvimento desportivo entre a câmara e o Futebol Clube de Crestuma, num apoio financeiro de 780 mil euros para a construção de um novo estádio.

Já a reabilitação da divisão da PSP de Gaia custará 380 mil euros, conforme foi hoje aprovado.
Ver comentários
Saber mais posto de abastecimento hidrogénio Fundo Ambiental Vila Nova de Gaia Eduardo Vítor Rodrigues
Mais lidas
Outras Notícias