Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Manuel Cabral, um português a caminho da Google

A Google comprou a Digisfera e vai levar para os Estados Unidos Manuel Cabral, o jovem licenciado no Técnico que em 2011 havia criado a empresa com o pai, o fotógrafo António Cabral.

Celso Filipe cfilipe@negocios.pt 19 de Outubro de 2015 às 20:16
  • Assine já 1€/1 mês
  • 9
  • ...

O jovem português, Manuel Cabral, 29 anos, está a caminho da sede da Google, em Mountain View, Califórnia, depois de a multinacional norte-americana ter comprado a Digisfera, uma empresa que fundou com o pai, António Cabral, em 2011.


A Digisfera, especializada em fotografia em 360º, terá entrado no radar da Google na sequência de uma fotografia em alta definição sobre a tomada de posse de Barack Obama que efectuou em 2013 para o jornal norte-americano Washington Post. Além da empresa, que agora fecha as portas, a Google foi também atraída pelas capacidades de desenvolvimento desta área de Manuel Cabral, integrando-o nos seus quadros no âmbito desta operação.

Esta fotografia permitia ver a cerimónia e as pessoas que estiveram a assistir e que estas se identificassem na imagem no sítio da internet do Washington Post, através de uma aplicação desenvolvida pela Digisfera. "Elas [as pessoas] passaram a poder partilhar com os amigos o evento onde estiveram", explicou Manuel Cabral à agência Lusa.


"O regresso do meu filho que estava a trabalhar na Holanda foi a mola propulsora" para o lançamento da Digisfera explicou, na ocasião, António Cabral, destacando que o objectivo era fazer coisas que "ninguém tinha feito, pelo menos em Portugal, e criar uma empresa inovadora".


Em 2104, Manuel Cabral foi um dos oradores na conferência anual da Associação Internacional de Fotografia em Realidade Virtual (IVRA, no acrónimo em inglês), realizada em Las Vegas, cujo um dos patrocinadores era precisamente a Google. A Digisfera desenvolveu dois sistemas inovadores, o Panotag, de identificação de fotografias, e o Marzipano, uma tecnologia para fotografia em 360º. O primeiro dos produtos será descontinuado pela Google, enquanto o segundo deverá passar a estar disponível em fonte aberta dentro de semanas.  


Licenciado em Engenharia de Redes pelo Instituto Superior Técnico, Manuel Cabral  fez de seguida um estágio no âmbito do programa Erasmus, em Estocolmo, Suécia, no Instituto Real de Tecnologia, a que se seguiu um estágio de um ano na Agência Espacial Europeia, na Holanda.


Regressado a Portugal, Manuel Cabral criou com o pai, António Cabral, a Digisfera, que se apresentou ao mercado como uma empresa "especializada em fotografia panorâmica e que, internacionalmente, se concentra em fornecer serviços de design e desenvolvimento de software para profissionais".

O regresso do meu filho que estava a trabalhar na Holanda foi a mola propulsora
[para o lançamento
da Digisfera]. 
António Cabral
Fotógrafo e fundador da Digisfera, pai de Manuel Cabral


Em Junho de 2011 a Digisfera fez a primeira exportação do seus serviços, um jogo para uma campanha publicitária do Peugeot no Reino Unido, onde os concorrentes tinham como missão encontrar carros numa fotografia gigapixel (alta definição) de Londres.

No ano seguinte, em 2012, as vendas para o exterior já representavam 35% da facturação da Digisfera. "Os clientes são empresas e agências de marketing internacional que trabalham no domínio da ferramenta panorâmica", sublinhava então Manuel Cabral. 


Entre os muitos trabalho realizados pela Digisfera destacam-se uma fotografia panorâmica do estádio do Maracaná, durante o mundial de futebol no Brasil, os Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, Rússia e um roteiro digital de Lisboa. A par disso, a empresa desenvolveu projectos para clientes como a Galp, o grupo PortucelSoporcel, Câmara Municipal de Oeiras, Quinta da Regaleira e Parques de Sintra, a Peugeot e o Lloyds Banking Group no Reino Unido, em colaboração com outras empresas da área.


O Instituto Superior Técnico, na sua página oficial no Facebook, já partilhou a notícia da aquisição. "É com enorme satisfação que vos damos esta notícia: a Digisfera, start-up criada pelo Manuel Cabral, ex-aluno do curso de Engenharia de Telecomunicações e Informática do Técnico, foi comprada pela Google!!! Um estrondoso sucesso!".

Ver comentários
Saber mais Digisfera Manuel Cabral Google fotografia panorâmica António Cabral Insituto Superior Técnico. Marzipano Panotag Washington Post
Outras Notícias