Altice notifica controlo da SIRESP mas sem poderes totais

A Altice Portugal, através da PT Móveis, notificou a Autoridade da Concorrência da tomada de controlo da SIRESP, mas sem totais poderes apesar da posição de controlo.
Carlos Manuel Martins
pub
Alexandra Machado 27 de agosto de 2018 às 09:52

A Altice Portugal, através da subsidiária PT Móveis, já notificou a Autoridade da Concorrência do controlo da SIRESP, sociedade gestora da rede de comunicações de emergência e segurança.
No entanto, apesar de ficar com mais de 50%, a Altice Portugal faz saber que há accionistas minoritários que têm poderes especiais.
É que a Altice notificou a Concorrência pelo "controlo exclusivo negativo", o mesmo é dizer que terá mais de 50% do capital da empresa, mas é necessária maioria qualificada para determinadas decisões.
Não é conhecido o acordo parassocial entre a Altice e o Estado na SIRESP, mas a operadora de telecomunicações assume que não tem o controlo total sobre a empresa.
A Altice vai passar a controlar 52,1% da SIRESP, com a aquisição das participações da Datacomp e Esegur. Já o Estado assumirá a posição de 33% da Galilei, por 2,65 milhões de euros. A Altice, até ao momento, tinha 30,55% da SIRESP.
A Autoridade da Concorrência terá agora de analisar a operação, que reforça a posição da Altice em mais uma rede de comunicações a nível nacional, havendo um prazo de 10 dias para terceiros interessados entrarem no processo. 

pub