Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Altice vende Cabovisão e Oni à Apax França (corr.)

A Altice chegou a acordo com a Apax França para vender a Cabovisão e a Oni. Os valores da operação, concluída em cima do prazo estabelecido por Bruxelas, não são conhecidos. A operação está ainda sujeita a análise do regulador europeu e português.

Ivan Guilbert/Bloomberg
Sara Ribeiro sararibeiro@negocios.pt 15 de Setembro de 2015 às 17:12
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...

A Apax França foi a vencedora da corrida pela Cabovisão e pela Oni, segundo um comunicado divulgado pelo grupo francês.

A Altice encerrou as negociações com a Apax França esta terça-feira, 15 de Setembro, na data-limite imposta por Bruxelas para a alienação da Cabovisão e da Oni no seguimento da compra da PT Portugal.

De acordo com o mesmo documento, a operação necessita ainda de ser analisada pelo regulador europeu e português.

Apesar de ter o mesmo nome do fundo de investimento britânico Apax Partners, a nova dona da Cabovisão e da Oni é uma entidade independente deste "private equity", que também esteve, com a Bain, na corrida pela PT Portugal. No entanto, a Altice foi a vencedora.

O prazo para a alienação destes activos estipulado por Bruxelas terminava no final de Agosto, mas o grupo fundado por Patrick Drahi pediu a extensão da data-limite.

Caso a Altice não vendesse os dois activos até ao final do dia, as operadoras tinham de passar a ser geridas por uma entidade independente que depois dará seguimento à venda.

Os valores das negociações não são conhecidos, mas segundo a Bloomberg só a Cabovisão estaria a ser negociada por 300 milhões de dólares.

O relatório e contas do primeiro semestre da Altice avalia a Cabovisão em 17,9 milhões e a Oni em 97,2 milhões de euros.

Caso a Altice venda estes activos pelo preço adiantado pela Bloomberg, iria mais do que triplicar o seu valor face aos montantes pagos quando os adquiriu.

Em 2012, quando comprou a Cabovisão à canadiana Cogeco Cable pagou cerca de 45 milhões de euros. Um ano depois, pagou 82 milhões de euros pela Oni.

Ao longo dos últimos meses têm surgido vários nomes de potenciais interessados, entre os quais a Vodafone, a Nos, a britânica Interroute a chinesa StarTimes e a de um fundo de investimento.

(Notícia corrigida para especificar que a Apax anteriormente referida não é a mesma que esteve na corrida à PT Portugal)

Ver comentários
Saber mais Cabovisão Oni Bruxelas PT Portugal Patrick Drahi Vodafone Interroute StarTimes
Mais lidas
Outras Notícias