Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa desvaloriza pela terceira sessão

Nas últimas oito sessões o PSI-20 apenas subiu uma vez. Hoje acompanha o sentimento negativo das praças europeias, pressionado pelo BCP e Nos. O BPI está em alta depois da avaliação da administração à OPA.

A carregar o vídeo ...
Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 18 de Maio de 2016 às 08:18
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...

A bolsa nacional abriu em queda pela terceira sessão consecutiva, a acompanhar a tendência das praças europeias.

 

Na sétima sessão em queda nas últimas oito, o PSI-20 recua 0,15% para 4.843,67 pontos, 12 cotadas em queda, três inalteradas e outras tantas a subir.

 

Nas bolsas europeias a tendência é também de perdas, com os investidores a temerem uma subida mais rápida dos juros dos Estados Unidos, depois de a inflação na maior economia do mundo ter registado a maior subida em três anos.

 

Nas bolsas asiáticas a sessão também foi de perdas, apesar das notícias positivas da economia nipónica. O PIB do Japão cresceu 1,7% no primeiro trimestre do ano em termos anuais, superando as estimativas dos analistas que apontavam para um crescimento de 0,3%.

 

Em Lisboa é o Banco Comercial Português que mais pressiona do PSI-20, com uma queda de 0,91% para 0,0327 euros. Em sentido inverso o Banco BPI soma 1,08% para 1,123 euros, depois de ontem a administração do banco ter avaliado as acções em 1,54 euros, bem acima do preço da OPA do CaixaBank.

 

Ainda em queda está a EDP (desce 0,3% para 2,978 euros) depois do Negócios ter noticiado que o governo prolongou a contribuição sobre o sector energético até 2020. A REN desce 0,04% para 2,615 euros e a Galp Energia avança 0,13% para 11,88 euros numa sessão em que o Brent em Londres volta a negociar acima dos 49 dólares por barril.

 

A Nos também se destaca entre as cotadas que pressionam o PSI-20, com uma queda de 1,68% para 6,075 euros. Antes da abertura da sessão, a cotada anunciou um memorando de entendimento com a Vodafone para a partilha de transmissão de eventos desportivos e comparticipação nos custos dos conteúdos.

 

A impedir maiores perdas no PSI-20 estaque para a Jerónimo Martins, que avança 1,39% para 13,83 euros depois do UBS ter elevado a recomendação das acções da cotada de "neutral" para "comprar".

Ver comentários
Saber mais Banco BPI EDP PSI-20
Mais lidas
Outras Notícias