Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

CEO da Pfizer vende ações no valor de 5,6 milhões no dia do anúncio de vacina promissora

Albert Bourla, CEO da farmacêutica Pfizer, vendeu 132.508 ações, ao preço unitário de 41,94 dólares, no mesmo dia em que a empresa anunciou os resultados promissores da vacina contra a covid-19 que está a desenvolver com a BioNTech.

Negócios 11 de Novembro de 2020 às 19:12
  • Assine já 1€/1 mês
  • 11
  • ...

O presidente executivo da Pfizer, Albert Bourla, vendeu 132.508 ações da farmacêutica, por 5,56 milhões de dólares (4,7 milhões de euros), na segunda-feira, 9 de novembro, segundo o comunicado divulgado junto da autoridade reguladora do mercado de capitais dos EUA, a Securities and Exchange Commission (SEC).

 

Esse foi o dia em que a Pfizer anunciou resultados promissores, com uma eficácia superior a 90%, da vacina contra a covid-19 que está a desenvolver com a BioNTech.

 

A empresa referiu, no comunicado, que esta venda estava já prevista no plano de negociação de ações adotado por Bourla a 19 de agosto.

 

Bourla vendeu 132.508 ações, ao preço unitário de 41,94 dólares, refere a SEC.

 

"A venda destas ações faz parte do plano financeiro pessoal de Bourla (…), que permite, nos termos das regras da SEC, que grandes acionistas e ‘insiders’ de empresas cotadas possam transacionar um número predeterminado de ações numa altura predeterminada", sublinha a Pfizer.

 

E prossegue: "Através do nosso administrador dos planos de ações, Bourla autorizou a 19 e agosto a venda desses títulos quando atingissem um determinado preço como patamar mínimo", acrescenta.

Comparando com a cotação de fecho de sexta-feira, Bourla ganhou mais 5,54 dólares por ação, embolsando 734.094 dólares adicionais.

Ver comentários
Saber mais Pfizer Albert Bourla EUA SEC Securities and Exchange Commission
Outras Notícias