Bolsa OPA dá melhor sessão em 20 meses à Glintt

OPA dá melhor sessão em 20 meses à Glintt

O anúncio da oferta pública de aquisição (OPA) lançada pela Farminveste levou as acções da Glintt a dispararem mais de 27%. Um desempenho que aumentou em mais de quatro milhões de euros o valor de mercado da empresa.
OPA dá melhor sessão em 20 meses à Glintt
Raquel Godinho 16 de setembro de 2015 às 17:30

A maior valorização desde Janeiro de 2013. Um acréscimo de 4,26 milhões de euros à capitalização bolsista. Um volume negociado que supera em 13 vezes a média dos últimos seis meses. Foi assim que os investidores receberam o anúncio da OPA lançada pela Farminveste sobre a Glintt.

A Farminveste 3 Gestão de Participações, a SGPS controlada pela Associação Nacional de Farmácias (ANF), anunciou, esta terça-feira, que oferece 0,241 euros por cada acção da Glintt. Um preço que representa um prémio de 33,1% face à cotação de fecho desta terça-feira, 15 de Setembro, mas supera em 15% o preço médio ponderado nos seis meses anteriores ao anúncio da operação.

 

A Farminveste, que detém 49,73% da tecnológica, pretende com esta operação adquirir os títulos que ainda não detém. Se todos os restantes accionistas aceitarem a oferta, terá de desembolsar cerca de 10,5 milhões de euros para ficar com a totalidade da cotada. 

 

Este anúncio teve um impacto positivo nas acções. A empresa liderada por Nuno Vieira Lopes terminou a sessão com uma valorização de 27,07% para os 0,23 euros, depois de ter chegado a valorizar 29,28% durante a sessão. Com esta valorização conseguiu o melhor desempenho desde 23 de Janeiro de 2013, dia em que apreciou 35,71%.

 

A subida desta sessão acrescentou 4,26 milhões de euros à capitalização bolsista da Glintt, que ascende agora a 20 milhões de euros.

 

Esta tendência positiva foi acompanhada de um forte volume negociado. Trocaram de mãos mais de 1,3 milhões de títulos, o que compara com as 93.480 acções negociadas em média diariamente nos últimos seis meses.

 

A Glintt resultou da fusão entre a ParaRede (que já era cotada) e a Consiste, da ANF, numa operação concretizada em 2008.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI