Bolsa PSI-20 sobe e interrompe maior ciclo de quedas em quase dois meses

PSI-20 sobe e interrompe maior ciclo de quedas em quase dois meses

O PSI-20 arrancou a sessão em alta, interrompendo um ciclo de quatro sessões consecutivas de perdas.
A carregar o vídeo ...
Tiago Varzim 19 de novembro de 2019 às 08:10
A bolsa nacional arrancou esta terça-feira, 19 de novembro, em terreno positivo, o que contrasta com quatro sessões consecutivas de quedas, o maior ciclo de perdas em quase dois meses. O PSI-20 sobe 0,13% para os 5.270,20 pontos.

Segundo a Bloomberg, os mercados internacionais estão numa fase de "esperar para ver" enquanto aguardam por desenvolvimentos nas negociações comerciais entre os EUA e a China. A notícia de que a Casa Branca irá prolongar a licença para as empresas norte-americanas fazerem negócios com a chinesa Huawei contrastou com outra notícia de que Pequim está "cética" em relação à possibilidade de assinar um acordo amplo em breve.

As bolsas europeias também estão a negociar em terreno positivo no início da sessão. O Stoxx 600, o índice que agrega as 600 principais cotadas europeias, valoriza 0,19% para os 406,78 pontos. Um dos setores que poderá estar em destaque é o setor automóvel dado que foram divulgadas as vendas de carros na União Europeia, as quais subiram 8,6% em outubro. 

Já "o mercado nacional continuará fundamentalmente condicionado pela conjuntura externa, negociando assim "ao sabor" dos mercados europeus", escrevem os analistas do BPI no diário de bolsa, referindo que "prova disso tem sido o comportamento de ações mais cíclicas ou sensíveis ao comércio internacional".

Em Lisboa, nove cotadas seguem em alta, cinco segue em baixa e quatro estão inalteradas. O destaque vai para as ações do BCP que estão a subir neste início de sessão, após terem descido quase 2% na sessão de ontem. Os títulos do banco valorizam 0,88% para os 20,7 cêntimos.

Também em alta estão as ações da Sonae Capital que sobem 1,62% para os 81,4 cêntimos e os títulos da Corticeira Amorim que valorizam 1,58% para os 10,26 euros. 

O setor do papel está a sobressair com a Altri a subir 0,59% para os 5,945 euros, a Navigator a valorizar 0,39% para os 3,58 euros e a Semapa a somar 0,85% para os 14,18 euros. 

A travar maiores ganhos no PSI-20 estão cotadas como a EDP Renováveis que desce 0,39% para os 10,16 euros e a REN que desvaloriza 0,37% para os 2,725 euros. A REN está a ceder há três sessões consecutivas, sendo que na passada sexta-feira anunciou que os lucros baixaram 5% no terceiro trimestre deste ano, em termos homólogos.

Fora do PSI-20, as atenções deverão estar focadas nas ações do clube encarnado, após a Sport Lisboa e Benfica SGPS, que detém 66,9% das ações de categoria B da SAD, ter lançado ontem à noite uma oferta de aquisição (OPA) sobre o equivalente a mais 28,06%, pelo que o intuito é ficar com a quase totalidade das mesmas. Contudo, para já, os títulos ainda não negociaram.

(Notícia atualizada às 8h21 com mais informações)



Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI