Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PSI-20 sobe pela quarta sessão com EDP e BCP a impulsionar

Sete cotadas do PSI-20 valorizam mais de 1% nesta que é a quarta sessão seguida de ganhos do PSI-20.

A carregar o vídeo ...
Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 05 de Março de 2020 às 08:11
  • Assine já 1€/1 mês
  • 31
  • ...

A bolsa nacional está a acompanhar mais uma sessão de recuperação nas bolsas globais, com os investidores à espera que sejam anunciados mais estímulos monetários e orçamentais para contrariar os efeitos negativos do coronavírus na economia.

O PSI-20 avança 0,33% para 4.984,35 pontos, com 14 cotadas em alta e quatro em queda. Sete cotadas do índice avançam mais de 1% nesta que é a quarta sessão seguida de ganhos, que permite ao PSI-20 recuperar parte do tombo de 11,5% sofrido na semana passada.

As bolsas asiáticas fecharam a sessão em terreno positivo, depois de ontem Wall Street ter registado ganhos acentuados. O Dow Jones encerrou a escalar 4,53% e o Standard & Poor’s 500 disparou 4,22%, subindo pela segunda vez em três dias e elevando para quase 6% a sua recuperação face à pior semana desde a crise financeira.

 

Os investidores reagiram em forte alta à aprovação de legislação que viabiliza uma dotação orçamental de emergência para combater a propagação do Covid-19. O Congresso dos EUA – composto pela Câmara dos Representantes e pelo Senado – deu luz verde a um pacote de perto de oito mil milhões de dólares para a prevenção do coronavírus.

 

Os Estados Unidos já concretizaram estímulos monetários (a Fed cortou os juros em 50 pontos base) e orçamentais, sendo que a recuperação das bolsas reflete a expectativa de que mais países sigam a mesma receita para combater a ameaça do coronavírus.

 

Em Lisboa a EDP volta a destacar-se pela positiva, com uma valorização de 0,94% para 4,744 euros. Ontem as ações subiram mais de 5%, em reação a uma nota de research favorável emitida pelo Goldman Sachs. O banco norte-americano subiu o preço-alvo para as ações da EDP de 5,25 euros para 5,40 euros e reiterou a sua recomendação de "comprar", continuando a integrar a portuguesa na lista de favoritas.   

 

Quanto à EDP Renováveis, o "target" aumentou de 11,30 euros para 14,50 euros e a recomendação passou de "neutral" para "comprar", com o Goldman Sachs a referir uma melhoria das estimativas para o cash flow operacional, um capex menor e um desconto de liquidez mais baixo. A cotada liderada por Manso Neto é a segunda cotada mais valiosa da bolsa portuguesa, depois de ter superado a Galp Energia. As ações seguem estáveis nos 13,12 euros.

 

Ainda a impulsionar o PSI-20 destaque para o BCP, que valoriza 1,02% para 0,1588 euros, a recuperar das quedas recentes provocadas pela expectativa de descida de juros por parte do Banco Central Europeu. 

 

A Navigator, Mota-Engil, Semapa e Sonae SGPS são as outras cotadas que impulsionam o PSI-20 com ganhos acima de 1%.

Ver comentários
Saber mais PSI-20 bolsa nacional Europa Stoxx600 mercados bolsas energia
Mais lidas
Outras Notícias