Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Aposte na moeda certa

O regresso da confiança aos mercados accionistas mundiais tem penalizado fortemente o dólar. A moeda americana, encarada como um activo de refúgio durante a crise financeira, tem perdido terreno para as restantes divisas mundiais nos últimos meses, com os...

Patrícia Abreu pabreu@negocios.pt 21 de Outubro de 2009 às 09:45
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...

Ben Bernanke |
O presidente da Reserva Federal dos Estados Unidos deverá manter os juros praticamente nulos até 2010.

Os especialistas acreditam que o dólar deverá continuar o seu caminho descendente face ao euro. E apontam oportunidades de investimento nas moedas dos países emergentes e de países exportadores de matérias-primas.

O regresso da confiança aos mercados accionistas mundiais tem penalizado fortemente o dólar.

A moeda americana, encarada como um activo de refúgio durante a crise financeira, tem perdido terreno para as restantes divisas mundiais nos últimos meses, com os investidores a darem preferência a activos com maior risco. Um dos grandes vencedores desta mudança na estratégia de investimento é o euro, um movimento que deverá continuar. Aposte na moeda certa e ganhe com o sobe e desce do mercado cambial.

Perfil do investidor
O investimento no mercado cambial é recomendado para investidores mais agressivos e com maior conhecimento do mercado. Devido à complexidade deste activo, desaconcelha-se a aposta directa em mercados de futuros ou outros produtos, como "warrants", a investidores sem disponibilidade para seguir atentamente a evolução dos mercados. Deste modo, os fundos de investimento surgem como a melhor solução para quem quer investir no mercado "forex". Geridos por profissionais, os fundos adoptam várias estratégias de investimento. Antes de investir, analise os vários produtos comercializados e discuta com o seu banco as características dos fundos disponíveis, para perceber o que melhor se adapta a si. Uma carteira de investimento não deve ter mais de 10% colocado no mercado cambial.

A favor
O investimento em mercado cambial representa uma boa opção de diversificação da carteira.
Elevado potencial de subida das moedas dos países emergentes.


Contra
Tipo de investimento que acarreta riscos elevados e está sujeito a maior volatilidade.
Potencial de retornos mais limitado que a rendibilidade oferecida pelos mercados accionistas.
Nos últimos meses, o dólar tem cedido terreno face à moeda única, com o euro a negociar em torno de 1,49 dólares, o valor mais alto desde Agosto de 2008. Para os especialistas, esta tendência deverá manter-se nos próximos meses. A elevada liquidez no mercado norte-americano, associada à maior diversificação das reservas externas e à manutenção das taxas de juro em níveis praticamente nulos vão continuar a pesar sobre a "nota verde".

"Para a eventual subida do dólar será necessária uma redução adicional do défice comercial e um ciclo de subida de taxas de juro anterior ao de outras divisas (nomeadamente ao do euro), o que será improvável até ao final de 2010", considerou ao Negócios, Gonçalo Gomes, da direcção de "marketing" do ActivoBank7.

O mesmo responsável realça, ainda, que "um dos factores que favorece o euro é o aumento da sua importância como reserva de valor por parte de bancos centrais internacionais, em particular os asiáticos, podendo o seu peso atingir em breve os 40%".

A Reserva Federal (Fed) dos EUA e o departamento do Tesouro norte-americano implantaram um forte plano de estímulos à economia, que envolveu a injecção de milhares de milhões de dólares no sistema financeiro, bem como a compra de activos hipotecários. De acordo com o Barclays Capital, numa nota de "research" recente, "o dólar está a nadar em liquidez", pelo que a moeda americana apenas deverá inverter a tendência de queda quando as autoridades começarem a retirar liquidez do mercado.

Carlos Manuel de Almeida, sub-director de investimentos do Banco Best, considera que "o facto de a política do BCE não contemplar medidas não-convencionais de estímulo económico, como a Reserva Federal dos EUA e o Banco de Inglaterra, poderá sustentar o euro, até a estratégia de saída destas políticas expansionistas nos EUA e Reino Unido ser conhecida pelos agentes de mercado".

Além dos fundos de investimento, os investidores que pretendam diversificar o investimento, através da aposta no mercado cambial, podem negociar directamente no mercado Forex, comprar "Exchande Traded Funds", certificados, "warrants" ou produtos estruturados com subjacente cambial.

Moedas emergentes são aposta
Não é apenas no euro que existem oportunidades. Para os especialistas, as divisas de países emergentes e de economias exportadoras de matérias-primas são boas oportunidades de investimento.

Há "uma visão positiva em moedas de países emergentes com potencial de crescimento elevado nos próximos anos, em detrimento das economias desenvolvidas mais afectadas pela recessão económica", destacou Carlos Manuel de Almeida, adiantando que "tem sido identificado o potencial das moedas dos países com significativa actividade exportadora de matérias-primas". O Barclays Capital, que recomenda "comprar" moedas dos países com matérias-primas, em detrimento do dólar, euro e iene.




Conheça quatro fundos que investem em divisas
O fundo com melhor retorno a um ano valoriza 7% a 12 meses.





Dólar deverá permanecer sob pressão até ao final do ano
O excesso de liquidez e as taxas de juro em níveis praticamente nulos deverão continuar a penalizar o dólar, favorecendo o euro e a libra.
Ver comentários
Outras Notícias