Outros sites Cofina
Notícia

O novo normal do comerciodigital.pt

O site foi reformulado, existe um número de telefone gratuito para apoio, na Academia Digital há sete cursos disponíveis e ainda estão programados webinars semanais.

Filipe S. Fernandes 25 de Junho de 2020 às 12:30
O programa Comércio Digital foi reformulado por causa da covid-19 e reforçado financeiramente. Bruno Teixeira Pires
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Em 16 de junho de 2020, o programa Comércio Digital, iniciado em fevereiro de 2019, foi reformulado para corresponder aos novos tempos marcados pela pandemia da covid-19, que implicou a alteração do modelo presencial de divulgação, e a criação de 50 espaços de comércio digital no país foi suspensa. "Foi necessário desmaterializar toda a operação, criar novas linhas", refere Alexandre Nilo Fonseca, presidente da ACEPI.

O programa Comércio Digital é uma iniciativa conjunta da ACEPI e da CCP (Confederação do Comércio e dos Serviços de Portugal), apoiado pelo Governo português e cofinanciada pelo COMPETE 2020, Portugal 2020 e União Europeia/FEDER, com o intuito de promover a digitalização de mais de 50 mil empresas da área do comércio e dos serviços em Portugal. Como referiu João Torres, secretário de Estado, "o programa tem um financiamento inicial, por via dos fundos comunitários, superior a 1,2 milhões de euros, mas já foi reforçado".

Segundo Alexandre Nilo Fonseca, "estamos a criar algo que é verdadeiramente útil para ajudar os comerciantes, vai permitir acelerar, e muito, a adoção por parte dos consumidores e dos comerciantes" do comércio eletrónico.

O período de confinamento devido à pandemia de covid-19 acelerou a adoção da internet entre os portugueses e comerciantes, uma tendência que se vai manter. Portugal era "o país da Europa onde os portugueses mais compravam fora do país", mas a pandemia e as restrições e impedimentos logísticos propiciaram o "desenvolvimento do comércio local", tanto "na perspetiva do consumidor como das empresas".

Comerciodigital.pt reformulado

Com mais negócios a transitar para o digital, ou a apostar em melhorar a sua presença online, o programa Comércio Digital lançou um novo website - (https://www.comerciodigital.pt/) -, que surge com os menus/seções reformulados, que agora incluem informação sobre como Obter Ajuda; Como Fazer; Estar Informado, um diretório com legislação, novos programas, projetos, e ainda uma componente de dicas, tutoriais, tendo em vista apoiar os comerciantes na digitalização do negócio. Porque como diz o mote do novo site, "na internet os negócios não param".

As sete lições para um negócio online

A Academia Comércio Digital é uma plataforma online que disponibiliza conteúdos formativos e ferramentas de capacitação para a economia digital de forma gratuita e em português. O objetivo é apoiar os empresários do comércio e serviços na digitalização dos seus negócios, de forma a poderem ganhar novos clientes e a expandirem-se para novos mercados.

Tem sete cursos que se focam nos principais aspetos para a criação de um negócio online, com temas como Diagnóstico e Plano de Comércio Digital; Registo do Domínio e Contas de Email; Criação do Website; Marketing Digital - Redes Sociais; Marketing Digital - Anúncios Digitais; Plataformas Agregadoras de Venda Online; e Loja Online.

"São sete cursos muito práticos", refere Alexandre Nilo Fonseca, que ensinam desde criar um plano de marketing digital, o site do negócio. O empresário inscreve-se e pode passar a usar estas ferramentas gratuitamente para montar o seu negócio. "Esta é uma forma de dar condições para que ninguém fique para trás", assegurou Alexandre Nilo Fonseca.

A importância do selo de confiança

O selo Confio.pt é um certificado atribuído aos websites que cumpram as melhores práticas do mercado digital, que funciona como uma garantia para os consumidores na aquisição de produtos e serviços através de comércio eletrónico e na utilização da internet em geral. Tem por base um Código de Conduta e um Regulamento e a sua atribuição depende de um processo de auditoria exigente, independente, objetivo, transparente e íntegro.

Esta é uma iniciativa promovida em conjunto pela ACEPI, DECO e Associação DNS.PT, que no âmbito do Programa Comércio Digital, e de modo a aumentar a confiança online dos portugueses, lançaram uma campanha especial de adesão. O objetivo é facilitar a adoção do selo para as empresas que se candidatem até ao final de setembro de 2020, nomeadamente com a isenção do pagamento da taxa de submissão da candidatura e do pagamento da concessão anual do selo até 31 de dezembro de 2020 e a simplificação do processo de atribuição. Os websites acreditados para Confio podem aderir automaticamente ao selo Confio Europeu da responsabilidade da Ecommerce Europe.

Algumas das empresas mais relevantes que integram o ranking dos 20 maiores sites de comércio eletrónico em Portugal, segundo o estudo anual da ACEPI, já possuem este selo como são os casos da DPD, o El Corte Inglés, a FNAC, a La Redoute e o MEO ou do site do Serviço Nacional de Saúde.

Voucher 3 em 1

O parceiro .PT oferece vouchers 3 em 1 dirigidos a microempresas e PME portuguesas das áreas do comércio e serviços, para registo de um domínio .pt gratuito pelo período dum ano. Esta oferta inclui também acesso a caixas de email e a ferramentas de construção e alojamento de websites.

Webinars semanais

Visando potenciar a divulgação e o esclarecimento sobre os principais temas, tendências e boas práticas para negócios na internet nesta fase pós-covid-19, o Comércio Digital vai realizar sessões, workshops e seminários online. As inscrições são gratuitas e podem ser efetuadas online: www.comerciodigital.pt/pt/webinars.

Têm normalmente 45 minutos de duração e realizam-se sempre às 17H e os próximos temas são, a 24 junho, "Domínio, Contas e Email Marketing", por António Lucena de Faria; a 1 de julho, "Academia Comércio Digital", por António Lucena de Faria; a 8 de julho, "Barómetro DPD: E-shopper 2019", por Carla Pereira e António Lucena de Faria; a 15 de julho, "Marketing Digital e Redes Sociais", por António Lucena de Faria; e a 16 de setembro, "Pagamentos Digitais: integração e mobilidade", pelo Millennium BCP.

Apoio de uma linha telefónica gratuita

A ACEPI criou também uma linha nacional telefónica gratuita de apoio aos comerciantes que precisem de ajuda para começarem a usar as ferramentas digitais nos seus negócios - 800 100 236. Esta linha telefónica presta serviços de atendimento gratuitos tendo em conta os vários níveis de maturidade digital dos comerciantes e dos seus negócios.

Campanha publicitária

Tendo em atenção as alterações dos hábitos das pessoas provocadas pela covid-19, a ACEPI vai reforçar as ações de comunicação e divulgação do programa Comércio Digital nos media, incluindo um mix de televisão, rádio e imprensa e digital. A linha de comunicação da campanha aposta numa comunicação direta, simples e eficaz e privilegia os formatos de vídeo.

Mais notícias