Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Três concelhos concentram um quinto das exportações portuguesas

Em 2016, um quinto das exportações portuguesas tinham origem em apenas três concelhos, enquanto o concelho de Lisboa representava sozinho um quarto das importações.

Bruno Simão
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 18 de Abril de 2018 às 11:26
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

As exportações portuguesas ascenderam a 47,8 mil milhões de euros em 2016, sendo que três municípios foram responsáveis por 20% deste valor, refere o Sales Index, da Marktest. As importações atingiram um valor de 56 mil milhões de euros, tendo o concelho de Lisboa absorvido 25,6% do total.

Lisboa foi o concelho do país com maior volume de exportações (11,8% do total), seguindo-se Palmela (4,6%), que beneficia do "efeito Autoeuropa", e Vila Nova de Famalicão (4,1%). Destacam-se ainda os concelhos da Maia (3%) e Vila Velha de Ródão (2,9%), este último devido ao forte peso das indústrias de celulose e pasta de papel.

No que toca às importações, Lisboa é de longe o município com maior peso, valendo um quarto do total. Seguem-se Oeiras (11,1%), Sintra (4,7%), Palmela (3%) e Porto (2,8%). Estes cinco concelhos representam quase metade (47,2%) do total.

O défice comercial português situou-se nos 8,3 mil milhões de euros em 2016.

Vila Velha de Ródão destaca-se como o concelho com maior excedente comercial, acima dos 1,3 mil milhões de euros, impulsionado pelas exportações de celulose e pasta de papel.

Ver comentários
Saber mais concelhos exportações importações comércio internacional marktest lisboa
Outras Notícias