Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Portugal com mais 1.032 novos casos e 63 mortes por covid. Doentes graves abaixo dos 600

O número de infeções pelo coronavírus nas últimas 24 horas foi de 1.032, ficando abaixo dos 2 mil contágios pelo sexto dia consecutivo. Há ainda mais 63 vítimas mortais a lamentar. Os internamentos baixaram para mínimos desde 2 de janeiro e os doentes graves são menos de 600 pela primeira vez desde 13 de janeiro.

Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 23 de Fevereiro de 2021 às 14:17
  • Assine já 1€/1 mês
  • 5
  • ...

Nas últimas 24 horas foram registados em Portugal mais 1.032 casos de pessoas infetadas pela covid-19, sendo o sexto dia consecutivo abaixo das duas mil novas infeções, segundo os dados revelados esta terça-feira, 23 de fevereiro, pela Direção Geral de Saúde (DGS).

No que respeita aos óbitos relacionados com o vírus, há a lamentar mais 63 vítimas mortais no país, uma subida face às 61 mortes reportadas no dia anterior e quinto dia consecutivo abaixo das 80 mortes.

Os números de hoje traduzem uma redução de 31,3% face aos 1.502 casos reportados na terça-feira passada, indicando que o ritmo de propagação está a abrandar. E em termos da média móvel a sete dias regista-se um decréscimo de 41,6%.

Nos óbitos, as 63 mortes reportadas elevam o total desde o início da pandemia para 16.086.





Com os números conhecidos esta terça-feira, a média diária de novos casos dos últimos sete dias baixou para 1.506, o nível mais reduzido desde 14 de outubro.

Nos últimos 14 dias, Portugal acumulou 278 novos casos por 100 mil habitantes. Este indicador, muito utilizado internacionalmente para medir a propagação do vírus e critério determinado pelo Governo para considerar os concelhos em risco, aproxima-se do limite definido de 240 casos por 100 mil habitantes para um território ser considerado de risco moderado. 



Casos ativos em mínimos desde 2 de janeiro

Pela positiva, o relatório da DGS mostra 4.567 pacientes dados como recuperados, elevando o total de recuperações para 705.976.

Assim, os casos ativos, que são calculados subtraindo ao total de casos confirmados os doentes recuperados e os óbitos, baixaram em 3.598, para 77.044 o menor número desde 2 de janeiro. 

Menos 106 doentes graves nos últimos 10 dias

No diz respeito aos números nos hospitais, as notícias são positivas. Estão agora internados menos 310 pacientes em Portugal, que colocam o total em 3.012, o menor valor desde 2 de janeiro. Face ao máximo de 6.869, registado a 1 de fevereiro, a descida é já de 3.857.

No que respeita aos casos mais graves, de doentes internados em unidades de cuidados intensivos, a descida de 30 doentes, coloca o total de pacientes internados em UCI nos 597, menos 106 do que há 10 dias. Face ao pico de 904 doentes em UCI, a 5 de fevereiro, a redução é de 307.


Lisboa e Vale do Tejo abaixo dos 500 casos pelo terceiro dia

Dos novos casos identificados no país, 493 foram em Lisboa e Vale do Tejo (LVT), o que representou 48% das novas infeções. Este foi o terceiro dia consecutivo com menos de meio milhar de novos casos na região.

Dos restantes novos casos, 186 foram no Norte, que regista menos de 500 casos pelo nono dia consecutivo, 146 no Centro, 93 na Madeira, 61 no Algarve, 50 no Alentejo e 3 nos Açores. 

No que respeita aos óbitos, foram registados 36 em LVT, 57,1% do total nacional, 11 no Centro, 9 no Norte, 5 no Alentejo e 2 no Algarve. Nos Açores e na Madeira não se registaram vítimas mortais.

Desde o início da pandemia, o Norte totaliza 324.905 casos, seguindo-se Lisboa e Vale do Tejo com 302.013, o Centro com 114.245, o Alentejo com 28.224, o Algarve com 19.893. Na Madeira foram registados 6.101 contágios e nos Açores 3.725.

Já nas vítimas mortais, Lisboa e Vale do Tejo soma 6.699 óbitos, o Norte regista 5.168 e o Centro 2.870. No Alentejo as mortes ascendem a 929, enquanto no Algarve são 332, na Madeira são 60 e nos Açores 28.



Ver comentários
Saber mais covid casos mortes internamentos dgs boletim
Outras Notícias