Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Desigualdades reduziram-se em 2014

A assimetria na distribuição de rendimentos reduziu-se em 2014, revelam os três indicadores analisados pelo INE.

Bruno Simão/Negócios
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A taxa de pobreza mantém-se a um nível mais elevado do que nos últimos anos, mas a desigualdade reduziu-se no ano passado, revelam os três indicadores analisados pelo INE.

"Em 2014, reduziu-se a assimetria na distribuição os rendimentos entre os grupos de população com maiores recursos", pode ler-se no destaque divulgado esta sexta-feira, 18 de Dezembro.

O rendimento líquido dos 20% da população com maiores recursos era em 2014 seis vezes superior ao dos 20% com menores recursos (6,2 em 2013).

Os 10% da população com maiores recursos ganham 11,1 vezes mais do que os 10% da população com menores recursos (11,1 no ano anterior).

O coeficiente de gini, indicador que tem em conta toda a distribuição dos rendimentos, reflectindo as diferenças entre todos os grupos populacionais, registou um valor de 34%, reduzindo-se em meio ponto face ao ano anterior.

De acordo com os dados divulgados pelo INE, a taxa de pobreza manteve-se nos 19,5% em 2014, percentagem idêntica à do ano anterior, que se segue a dois anos de subida.

O risco de pobreza, medido em função de uma percentagem da mediana dos rendimentos, subiu entre os idosos, os trabalhadores e os desempregados.

 

 

 

Ver comentários
Saber mais INE condições de vida pobreza desigualdades
Outras Notícias