Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fundador da Prozis explica-se no Youtube contra o aborto: “Sou incancelável"

Miguel Milhão, que está envolvido numa polémica após se ter manifestado a favor da decisão do Supremo Tribunal dos Estados Unidos em revogar a lei do aborto, promete: “Hoje, vou mostrar e explicar tudo, no Youtube, pelas 16 horas, em Conversas do Karalho”, revelou ao Negócios.

Rui Neves ruineves@negocios.pt 28 de Junho de 2022 às 16:15
  • Partilhar artigo
  • 12
  • ...

"It seems that unborn babies got their rights back in USA! Nature is healing!" ("Parece que os bebés por nascer recuperaram os seus direitos nos EUA! A natureza está a curar-se!"), escreveu Miguel Milhão no LinkedIn. E a polémica estourou.

 

A publicação do fundador da portuguesa Prozis, a maior empresa de nutrição desportiva da Europa, tornou-se viral na internet e está a gerar muita polémica, tendo levado já algumas personalidades que faziam publicidade à marca a cancelar as suas parcerias.

 

Foram os casos das atrizes Jessica Athayde, Marta Melro e Diana Monteiro, assim como Rita Belinha, apresentadora da RTP.

 

"Para mim, isto não é uma questão de opinião. Isto, para mim, é como trabalhar com um racista ou um homofóbico. Não muda muito", escreveu Belinha numa publicação no Instagram, criticando duramente o fato de Milhão se ter manifestado a favor da decisão do Supremo Tribunal dos Estados em reverter a lei que garantia o direito ao aborto.

 

Contactado pelo Negócios, o fundador da Prozis começou por considerar que "o problema maior é a liberdade de expressão, que é um assunto de Estado".

 

"Acho triste que, passados estes anos todos, não se tenha liberdade para se expressar, e que as pessoas usem todas as ferramentas que possuem para te destruir, aos teus e a tudo o que representas, porque não pensam como tu. É uma ditadura das ideias, o mais perigoso tipo de ditadura", considerou.

"Mas muitas pessoas estão do meu lado. Recebo seis vezes mais mensagens de apoio do que de escárnio", garantiu o empresário.

 

"Os portugueses são incríveis… Só que estão amordaçados. Por isso, prefiro que me ataquem, que sou incancelável, por razões óbvias, do que outros portugueses", rematou Miguel Milhão.

 

Entretanto, "hoje, vou mostrar e explicar tudo, no Youtube, pelas 16 horas, em Conversas do Karalho", prometeu Milhão.

 

"Conversas do Karalho" é o nome do "podcast" criado pelo empresário para interagir com os trabalhadores da Prozis, que será agora aberto ao público.

Ver comentários
Saber mais prozis miguel milhão aborto conversas do karalho
Outras Notícias