Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fundo para a reabilitação escapa às regras da contratação pública

A lei manda apenas que sejam aplicados os princípios da contratação pública, deixando ao Fundo uma grande margem de manobra e flexibilidade nas empreitadas. Fundiestamo garante toda a transparência, mas a opção é polémica e a Ordem dos Arquitetos já se recusou a participar.

Miguel Baltazar
Filomena Lança filomenalanca@negocios.pt 19 de Fevereiro de 2019 às 11:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...
O Fundo Nacional para a Reabilitação do Edificado (FNRE) não está sujeito à aplicação das regras e aos prazos da contratação pública nas aquisições de bens e serviços ou contratos para execução de empreitadas. Isso permite-lhe "reabilitar sem burocracias e sem delongas". A informação consta de uma apresentação que a Fundiestamo, empresa do universo Parpública ...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais FNRE Parpública Fundiestamo Helena Roseta José Manuel Pedreirinho Ordem dos Arquitetos Alberto Souto de Miranda Pedro Melo Contratação pública
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias