Economia Silva Peneda: "Seria preferível défice ficar nos 1,1%"
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Silva Peneda: "Seria preferível défice ficar nos 1,1%"

O coordenador para a Solidariedade do governo-sombra do PSD discorda de Rui Rio e considera, tal como o Bloco de Esquerda, que a meta para o défice de 2018 devia permanecer em 1,1% e não nos 0,7% inscritos no Programa de Estabilidade.
A carregar o vídeo ...

O antigo ministro de Cavaco Silva defende que o objectivo para o défice em 2018 não devia ter sido revisto em baixa, devendo a folga orçamental ser canalizada para reduzir a carga fiscal sobre as empresas. Silva Peneda considera que )

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub