Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Despacho da ACT deixa inspetores de mãos atadas

Os prazos de processos das inspeções, usados pelos inspetores para resolver problemas laborais de imediato, estão suspensos desde 22 de janeiro. Autoridade para as Condições de Trabalho justifica com nova lei, sindicato contesta e diz que “andamos há um mês a brincar às inspeções”. Questionado, Governo diz que vai rever.

O gabinete de Ana Mendes Godinho respondeu que a ACT vai rever o despacho, mas não explicou como, quando, ou com que fundamento.
O gabinete de Ana Mendes Godinho respondeu que a ACT vai rever o despacho, mas não explicou como, quando, ou com que fundamento. António Pedro Santos/Lusa
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Governo tem promovido o papel da Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT) na crise que se instalou no mercado de trabalho, mas um despacho assinado pela inspetora-geral em funções, fundamentado numa lei da Assembleia da República, está na prática a manietar a capacidade de intervenção dos inspetores. O despacho de 4 de fevereiro, com efeitos desde 22 de janeiro, suspende os prazos das contraordenações e do plano

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais ACT Autoridade para as Condições do Trabalho Carla Cardoso Maria Fernanda Campos Governo Condições do Trabalho política trabalho
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias