Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Imobiliário e advogados não comunicam suspeitas de lavagem de dinheiro

Portugal obteve nota máxima na prevenção do branqueamento de capitais, mas as obrigações são cumpridas de forma muito desigual. O sector não financeiro regista muitas falhas, o que é mais preocupante no imobiliário e entre advogados e consultores, diz o GAFI, o organismo que supervisiona estas matérias.

Miguel Baltazar
Elisabete Miranda elisabetemiranda@negocios.pt 01 de Janeiro de 2018 às 22:30
  • Partilhar artigo
  • 4
  • ...

O imobiliário atrai todos os anos milhares de milhões de euros de investimento e, pelas mãos dos advogados, passam os principais negócios que se fazem no país. Apesar de uns e outros terem uma grande probabilidade de se cruzarem  com capitais de origem ilícita, ao longo dos últimos anos os dois sectores praticamente não comunicaram suspeitas às autoridades, como estavam obrigados. O Grupo de Acção Financeira

...

Ver comentários
Saber mais Branqueamento de capitais financiamento do terrorismo fraude e evasão fiscal registo central de beneficiários efectivos Ordem dos Advogados sigilo profissional imobiliário constituição de sociedades
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Outras Notícias