Função Pública Candidaturas ao curso que dá emprego no Estado abrem no sábado

Candidaturas ao curso que dá emprego no Estado abrem no sábado

O INA vai abrir as candidaturas às 200 vagas do CEAGP no próximo sábado. O curso implica o pagamento de uma propina de cinco mil euros mas pode garantir um emprego no Estado.
Candidaturas ao curso que dá emprego no Estado abrem no sábado
Bruno Simão/Negócios
Catarina Almeida Pereira 01 de outubro de 2015 às 17:12

As candidaturas às 200 vagas do curso que dá depois acesso a um emprego no Estado vão abrir no próximo sábado, segundo explicou ao Negócios fonte oficial da Direcção-Geral da Qualificação dos Trabalhadores em Funções Públicas (INA).

As candidaturas estarão abertas durante dez dias úteis. Podem concorrer as pessoas com licenciatura, sendo a formalização da candidatura feita através da internet


A selecção é feita através de uma prova escrita de conhecimentos (que vale 60%) – que avalia matérias como o regime de gestão de recursos humanos do Estado, o regime da contratação pública, ou contabilidade pública, entre outros - e por uma entrevista de selecção (que vale 40%). Os candidatos têm de ter mais de 12 valores nas duas provas para serem seleccionados.

Em edições anteriores, a frequência do curso implicou o pagamento de uma propina de 5 mil euros. Mesmo assim, no ano passado, houve mais de mil candidatos para 100 vagas, num aumento de 30% face ao ano anterior. Este ano, o número de vagas duplica.

Se os alunos concluírem o curso com pelo menos 12 valores conseguem um contrato de trabalho em funções públicas por tempo indeterminado, sendo distribuídos pelas entidades que foram previamente definidas pelo Governo.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI