Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Estado angolano toma posse do grupo de media dos generais Dino e Kopelipa e de Manuel Vicente

PGR angolana entregou as empresas ao ministério das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social.

Miguel Baltazar
Lusa | Celso Filipe cfilipe@negocios.pt 31 de Julho de 2020 às 16:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

A Procuradoria Geral da República (PGR) de Angola entregou as empresas de comunicação social privadas do grupo Media Nova, dos generais "Dino" e "Kopelipa" e do ex-vice-presidente Manuel Vicente, ao ministério das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social.

Num comunicado, o órgão judicial adianta que a entrega das empresas da Media Nova (jornal O País, Rádio Mais e TV Zimbo) aconteceu na quinta-feira, através do Serviço Nacional de Recuperação de Ativos, "em virtude de terem sido constituídas com o apoio e reforço institucional do Estado".

As empresas eram detidas pelos generais Leopoldino "Dino" Fragoso do Nascimento, Hélder Vieira Dias "Kopelipa" e o antigo vice-presidente angolano e ex-presidente da Sonangol, Manuel Vicente.

Tal como o Negócios antecipou a e 2 de junho, os grupos de comunicação social criados durante a vigência de José Eduardo dos Santos, encontravam-se desde há algum tempo em dificuldades.

"Estes grupos foram constituídos para transmitir uma imagem de pluralidade do país, mas os seus impulsionadores sempre tiveram ligações fortes a José Eduardo dos Santos. Agora, aparentemente por dificuldades em aceder a fontes de financiamento e sem contarem com o embalo do atual inquilino do Palácio da Cidade Alta, começam a desmoronar-se, optando por solicitarem a intervenção do Estado", escrevia-se então na rubrica Radar África.

Refira-se que no final de maio, a TV Palanca, detida por Manuel Rabelais, antigo ministro da Comunicação Social de Angola num governo de José Eduardo doa Santos, já tinha passado para as mãos do Estado.

Ver comentários
Saber mais Angola PGR Dino Kopelipa Manuel Vcente TV Zimbo media
Mais lidas
Outras Notícias