Saúde Glaxo e Pfizer unem-se em negócio de 12,7 mil milhões de dólares na saúde

Glaxo e Pfizer unem-se em negócio de 12,7 mil milhões de dólares na saúde

Depois da aquisição de parte da Novartis, no início do ano, a GlaxoSmithKline está pronta para um novo negócio: vai unir a unidade de saúde dirigida ao consumidor com a Pfizer.
Glaxo e Pfizer unem-se em negócio de 12,7 mil milhões de dólares na saúde
EPA
Negócios 19 de dezembro de 2018 às 08:02

As farmacêuticas GlaxoSmithKline (GSK) e Pfizer aocrdaram unir os negócios de cuidados de saúde, numa joint-venture liderada pela britânica, avança a Bloomberg.

A GSK fica na posse de 68% do negócio, avaliado em 12,7 mil milhões de dólares,  e diz que espera cotá-lo em bolsa nos próximos três anos.

As marcas Sensodyne, Voltaren e Panadol, pertencentes à GSK, estão agora unidas às marcas Advil, Centrum e Caltrate, da família Pfizer.

Esta compra segue-se à aquisição de uma participação no mesmo segmento da Novartis, adquirida no passado mês de Março por 13 mil milhões de dólares, pouco depois de a GSK ter desistido da corrida à unidade dirigida ao consumidor da Pfizer.

Os investimentos da farmacêutica britânica no segmento da saúde focada no consumidor ficam desta forma reforçados em 2018. No acumular do ano, a GSK soma 9,5% em bolsa.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI