Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Ações da Tesla superam mil dólares pela primeira vez

A empresa liderada por Elon Musk está a beneficiar do aumento da procura do Tesla Model 3 na China, bem como rumores de novidades relativas a novas baterias elétricas.

Reuters
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 10 de Junho de 2020 às 15:24
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

As ações da Tesla estão a ganhar mais de 6% esta quarta-feira e superaram pela primeira vez a fasquia dos mil dólares. A fabricante de automóveis elétricos tem já uma capitalização bolsista de quase 186 mil milhões de dólares. Pelas 15:15, a Tesla cotava nos 1.006,50 dólares por ação, depois de ter tocado um máximo nos 1.006,95 dólares.

A forte procura dos veículos da empresa liderada por Elon Musk na China estão a impulsionar a cotação. Segundo dados preliminares, a Tesla terá vendido 11 mil unidades do Model 3 na China em maio, isto depois de as vendas em abril terem sido inferiores a quatro mil veículos.

Dan Ives, analista da Wedbush Securities, considera que só o crescimento da Tesla na China vale cerca de 300 dólares por ação para a empresa.

Desta forma, embora mantenha a recomendação "neutral", a Wedbush elevou o preço-alvo das ações da Tesla de 800 para mil dólares, referindo que num cenário "bull" o "price-target" é agora de 1.500 dólares, em vez dos anteriores 1.350 dólares.

 

Um fator que poderá impulsionar ainda mais as ações da empresa é o tema das baterias para veículos. Dan Ives refere que acredita que a Tesla estará próxima de anunciar uma nova tecnologia para as baterias que revolucionará o mercado. Os rumores já circulam de que a nova bateria terá um ciclo de vida de um milhão de milhas (1,6 milhões de quilómetros) e o potencial de durar décadas.

Ver comentários
Saber mais Tesla China Dan Ives Wedbush Securities elon musk ações
Mais lidas
Outras Notícias