Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Peugeot é campeã de vendas em Portugal até março. Ex-líder Renault cai para o quarto lugar

A Renault, líder do mercado nacional de ligeiros de passageiros há mais de duas décadas, foi apenas a quarta marca mais vendida no primeiro trimestre. Veja quais foram as marcas preferidas pelos condutores portugueses.

1.º Peugeot

1.º Peugeot
4.594 unidades

2.º Mercedes-Benz

2.º Mercedes-Benz
3.286 unidades

3.º BMW

3.º BMW
2.579 unidades

4.º Renault

4.º Renault
2.291 unidades

5.º Citroën

5.º Citroën
2.100 unidades

6.º Toyota

6.º Toyota
1.680 unidades

7.º Seat

7.º Seat
1.440 unidades

8.º Opel

8.º Opel
1.417 unidades

9.º Nissan

9.º Nissan
1.377 unidades

10.º Volkswagen

10.º Volkswagen
1.335 unidades

11.º Hyundai

11.º Hyundai
1.182 unidades

12.º Fiat

12.º Fiat
1.039 unidades

13.º Ford

13.º Ford
1.028 unidades

14.º Kia

14.º Kia
898 unidades

15.º Volvo

15.º Volvo
888 unidades

16.º Dacia

16.º Dacia
746 unidades

17.º Audi

17.º Audi
617 unidades

18.º Mini

18.º Mini
388 unidades

19.º Tesla

19.º Tesla
317 unidades

20.º Skoda

20.º Skoda
310 unidades

21.º Honda

21.º Honda
216 unidades

22.º Jeep

22.º Jeep
205 unidades

23.º Porsche

23.º Porsche
152 unidades

24.º Mazda

24.º Mazda
151 unidades

25.º Mitsubishi

25.º Mitsubishi
144 unidades

25.º DS

25.º DS
144 unidades

27.º Land Rover

27.º Land Rover
128 unidades

28.º Lexus

28.º Lexus
110 unidades

29.º Jaguar

29.º Jaguar
85 unidades

30.º Smart

30.º Smart
76 unidades

31.º Cupra

31.º Cupra
54 unidades

32.º Suzuki

32.º Suzuki
17 unidades

33.º Alfa Romeo

33.º Alfa Romeo
13 unidades

34.º Aston Martin

34.º Aston Martin
7 unidades

34.º Maserati

34.º Maserati
7 unidades

36.º Bentley

36.º Bentley
5 unidades

36.º Ferrari

36.º Ferrari
5 unidades

38.º Lamborghini

38.º Lamborghini
4 unidades

39.º Alpine

39.º Alpine
3 unidades
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 03 de Abril de 2021 às 18:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A Peugeot foi a marca automóvel preferida dos portugueses no primeiro trimestre deste ano, destronando a Renault, crónica líder do mercado, mostram os dados divulgados pela Associação Automóvel de Portugal (ACAP). 

A "marca do leão" vendeu 4.594 automóveis nos primeiros três meses do ano, o que representa uma quebra de 5,9% face ao primeiro trimestre do ano passado mas suficiente para ultrapassar a rival Renault. Isto num contexto em que as vendas de ligeiros de passageiros afundaram 31,5%. A Peugeot consegue assim subir a quota de mercado de 10,79% para 14,80%.

Na segunda posição surge a Mercedes-Benz, com 3.286 veículos vendidos, uma quebra de 21,9%. A marca germânica, que era terceira há um ano, reforçou o seu peso no mercado de 9,29% para 10,59%.

A fechar o pódio encontra-se a BMW, que sobe um "degrau", com 2.579 unidades, menos 19,9% do que no primeiro trimestre de 2020. A fabricante bávara ganha 1,2 pontos percentuais de quota de mercado, atingindo os 8,31%.

Vendas da Renault caem para menos de metade

A Renault, líder incontestada em Portugal há mais de 20 anos, sofreu uma quebra de 57,6% nas vendas, para 2.291 veículos. A "marca do losango" não só perde a liderança como recua para a quarta posição.

A Renault vê ainda a quota de mercado encolher de 11,93% para 7,38%.

E a "morder os calcanhares" da Renault surge a Citroën, que manteve o quinto posto. A marca do grupo Stellantis vendeu 2.100 automóveis, menos 27,5% do que no período homólogo.

Seguem-se a Toyota, que subiu três lugares, a Seat, Opel, Nissan, que caiu três posições, e Volkswagen.

A Jeep destaca-se ao apresentar uma subida de 18,5% nas vendas.
Ver comentários
Saber mais Peugeot Renault Portugal ACAP Associação Automóvel de Portugal automóvel marcas
Outras Notícias