Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Quebra na Autoeuropa pressiona produção automóvel em Portugal

Nos primeiros cinco meses do ano foram produzidos menos de 65 mil automóveis em Portugal, o que representa uma queda de quase 10% face ao período homólogo do ano passado.

Pedro Elias
Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 14 de Junho de 2016 às 15:56
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A produção automóvel em Portugal voltou a cair no mês de Maio, continuando a ser pressionada pela quebra na actividade da Autoeuropa.

 

No quinto mês do ano a produção em Portugal desceu 13,1% para 14.793 unidades, sendo que na Autoeuropa a quebra foi de 21,5% para 11.924 veículos.

 

Tendo em conta o acumulado dos primeiros cinco meses do ano a quebra em Portugal foi de 9,8% para 64.933 unidades, enquanto na fábrica de Palmela a redução foi de 21,7% para 48.474 veículos, revelam os dados da ACAP publicados esta terça-feira, 14 de Junho.

 

A Autoeuropa representa 58,4% da produção automóvel em Portugal, sendo que nas restantes unidades fabris a produção está a aumentar este ano. Na fábrica da Peugeot Citroën em Mangualde a produção aumentou 10,3% para 20.825 unidades nos primeiros cinco meses do ano.

 

A Mitsubishi Fuso Truck Europe, no Tramagal, produziu 2.356 veículos entre Janeiro e Maio (+24,7%) e da fábrica da Toyota Caetano saíram 348 automóveis (três vezes mais do que no período homólogo).

 

Dos automóveis produzidos em Portugal, 95% são exportados. Em Portugal foram comercializados 3.237.

 

É expectável que a produção automóvel em Portugal continue em queda ao longo deste ano, já que a Autoeuropa tem uma previsão de quebra de 19% nas encomendas, o que forçou a suspender um turno a partir de Setembro.

Ver comentários
Saber mais Autoeuropa ACAP Peugeot Citroen Mangualde Mitsubishi Fuso Truck Europe Tramagal Toyota Caetano
Mais lidas
Outras Notícias