Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Chairman diz que Novo Banco vai ter lucros em 2021 e Lone Star não sai "num futuro próximo"  

Byron Haynes diz que o banco "não vende carteiras de ativos com desconto" e que a Lone Star tem dado grande apoio à gestão.

Byron Haynes
Negócios 24 de Julho de 2020 às 08:36
  • Assine já 1€/1 mês
  • 7
  • ...

Byron Haynes, presidente do conselho de administração do Novo Banco, diz que a instituição financeira vai dar prioridade este ano à limpeza dos ativos "herdados do passado", sendo que para 2021 é antecipado um resultado líquido positivo.

O objetivo passa por "resolver os problemas de ‘Legacy’ e que o banco ‘recorrente’ dê lucros" em 2021, disse o gestor em entrevista ao Jornal Económico.

O chairman realça que o banco "não vende carteiras de ativos com desconto" e considera "muito irónico" que a sua independência seja questionada numa altura em que saiu a acusação ao Universo BES.

Byron Haynes não antecipa a saída dos acionistas da Lone Star "num futuro próximo", afirmando que o fundo norte-americano "desde a aquisição em outubro de 2017, tem dado um grande apoio ao conselho geral e de supervisão e ao conselho de administração executivo".

"Os acionistas têm investido no futuro. E investir no futuro não me diz que queiram sair num futuro próximo", referiu o gestor na entrevista, adiantando que o Novo Banco não vai precisar de mais dinheiro público além do limite definido de 3,89 mil milhões de euros.  

Ver comentários
Saber mais Novo Banco Byron Haynes Lone Star
Outras Notícias