Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Garantia pública apenas cobre 50% do crédito de setores mais afetados

A linha criada para apoiar a reestruturação de créditos das empresas mais afetadas pela pandemia poderá abranger, no máximo, créditos no valor conjunto de 4 mil milhões de euros – é metade da carteira total dos setores em causa.

Pedro Siza Vieira, ministro da Economia e da Transição Digital, admite que uma parte das empresas não conseguirá sobreviver ao fim das moratórias, por já não serem viáveis.
Pedro Siza Vieira, ministro da Economia e da Transição Digital, admite que uma parte das empresas não conseguirá sobreviver ao fim das moratórias, por já não serem viáveis. João Cortesão
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...

O Governo avançou, no final de setembro, com uma medida que visa continuar a apoiar as empresas que atuam nos setores mais afetados pela pandemia, de forma a mitigar o impacto do fim das moratórias do crédito. A linha de 1.000 milhões de euros vai permitir conceder garantias públicas para cobrir 25% dos créditos que deixam de estar em moratória e que, em alguns casos, terão de ser reestruturados junto da banca. Significa isto que, potencialmente,

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Governo Pedro Siza Vieira banca serviços financeiros
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias