Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Governo corta até 34 lugares de topo na supervisão financeira

Entre o deve e o haver da reforma da supervisão financeira desaparecem potencialmente 34 lugares de topo. Ficarão menos de 100 cargos nestes reguladores. ASF e CMVM ficam com estruturas iguais, Banco de Portugal continua a ser ligeiramente diferente.

O ministro das Finanças, Mário Centeno, vai ter menos elementos para nomear com a reforma da supervisão. Duarte Roriz / Jornal de Negócios
Margarida Peixoto margaridapeixoto@negocios.pt 14 de Março de 2019 às 23:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...

A reforma da supervisão financeira vai eliminar até 34 cargos de topo, para um total de 97. O número de membros designados pelo Ministério das Finanças é reduzido para 25, quase metade dos atuais. Esta é a conclusão que resulta da reorganização de funções e de orgânica das várias entidades abrangidas pela reforma, apurou o Negócios.

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Reforma da supervisão financeira Governo Banco de Portugal CMVM ASF
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias