Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Os bancos que estão envolvidos no escândalo de lavagem de dinheiro russo

Está a crescer o número de bancos envolvidos no esquema de lavagem de dinheiro russo, devido à investigação Troika Laundromat. A Bloomberg mostra quais são e o que está em causa.

Danske Bank A/S

Danske Bank A/S

O maior banco da Dinamarca admitiu em setembro que a maior parte dos 230 mil milhões de dólares que foram movimentados a partir da sua pequena unidade na Estónia, entre 2007 e 2015, tem uma origem suspeita. O Danske Bank está a ser investigado pelo Departamento de Justiça dos EUA, pela SEC (regulador do mercado de capitais dos EUA), bem como pelas autoridades da Dinamarca, Estónia, Reino Unido e França.

Swedbank AB

Swedbank AB

A televisão pública sueca AVT revelou que transações suspeitas de quase 6 mil milhões de dólares foram efetuadas entre o Danske Bank A/S e o Swedbank AB, entre 2007 e 2015, ligando o banco sueco ao escândalo de lavagem de dinheiro de 230 mil milhões de dólares que envolve o banco dinamarquês. O Swedbank AB está a ser investigado pelos reguladores do setor financeiro da Suécia e da Estónia. Também está a ser escrutinado pela autoridade sueca que investiga crimes económicos.

Nordea Bank Abp

Nordea Bank Abp

Um dos maiores bancos do Norte da Europa terá, alegadamente, manipulado 700 milhões de euros numa operação de lavagem de dinheiro. Os fundos tiveram origem no entretanto falido Ukio Bankas (da Lituânia) e foram canalizados para empresas de fachada em paraísos fiscais, como Ilhas Virgens e Panamá. O investidor Bill Browder, do Hermitage Fund, apresentou queixas contra o Nordea Bank nas autoridades nórdicas, alegando que 405 milhões de dólares suspeitos foram movimentados através do banco. A Suécia decidiu não avançar com uma investigação, mas as autoridades finlandesas ainda não tomaram uma decisão.

ING Groep NV

ING Groep NV

O banco holandês teve conhecimento de um potencial envolvimento em operações de lavagem de dinheiro por parte de um seu cliente na sua unidade de Moscovo, noticiou o jornal Trouw, avançando com novas informações sobre um caso que já obrigou o ING Groep a pagar uma multa de 875 milhões de dólares. Centenas de milhões de euros foram movimentados através da filial do ING Groep em Moscovo, no âmbito do esquema de lavagem de dinheiro que foi construído pelo Troika Dialog, o banco de investimento russo que está no epicentro deste caso, avançou o jornal, citando a OCCRP. A empresa em foco neste caso é a Cypriot Popat Holdings, que tinha uma conta na unidade de Moscovo do ING desde 2006 até pelo menos 2013. As autoridades holandesas recusaram revelar se estão a investigar o ING.

Credit Agricole SA

Credit Agricole SA

Entre 2005 e 2012 foram efetuadas mais de 500 transferências de fundos de bancos ligados ao Troika Laundromat, de cerca de 150 milhões de dólares, para diversas contas do Credit Agricole em Genebra, revelou o jornal Tages-Anzeiger, que está ligado ao OCCRP. O jornal avança que as contas foram registadas por cinco empresas que funcionavam apenas como caixas de correio e tinham sempre os mesmos executivos.

Deutsche Bank AG

Deutsche Bank AG

Mais de 889 milhões de dólares foram transferidos de contas do Deutsche Bank para os bancos diretamente envolvidos no caso conhecido por Troika Laundromat entre 2003 e 2017, de acordo com o jornal Suddeutsche Zeitung, que também integra o OCCRP. Antes desta notícia, o maior banco alemão já estava a ser escrutinado pelos reguladores devido ao seu papel como banco correspondente no escândalo de lavagem de dinheiro do Danske Bank e também ao envolvimento num esquema de fuga ao fisco, que foi revelado pelos Panama Papers em 2016.  

 

Raiffeisen Bank International AG

Raiffeisen Bank International AG

O Raiffeisen, que é um dos maiores bancos estrangeiros na Rússia, é o principal visado numa ação interposta pelo Hermitage Fund, fundo de investimento de Bill Browder que é especializada no mercado russo. Este fundo alega que o Raiffeisen recebeu uma transferência de 634 milhões de dólares, sendo que este dinheiro era proveniente do banco da Lituânia que entrou em falência (o Ukio Bankas) e da sucursal do Danske Bank na Estónia. O Hermitage salienta que o banco austríaco ignorou os sinais de lavagem de dinheiro que deveriam ter originado medidas preventivas.      

 

O Raiffeisen também lançou uma investigação interna sobre esta operação, sendo que as autoridades austríacas não terão dado provimento às acusações anteriormente lançadas pelo Hermitage Fund.

ABN Amro Group NV

ABN Amro Group NV

Os bancos envolvidos no Troika Laundromat movimentaram cerca de 190 milhões de euros através de uma agência do ABN Amro, que entretanto foi adquirida pelo Royal Bank of Scotland (RBS), avançou o jornal Trouw e a revista Groene Amsterdammer. O ABN esclareceu que todos os ativos, dados e clientes dessa unidade passaram a ser da responsabilidade legal do RBS em fevereiro de 2008. As autoridades judiciais holandesas recusaram revelar se estão a investigar o caso.

Cooperatieve Rabobank U.A.

Cooperatieve Rabobank U.A.

O fabricante de iates holandês Heesen recebeu cerca de 43 milhões de euros do russo Valentin Zavadnikov pelo pagamento da construção de dois barcos. O dinheiro foi recebido numa conta no Rabobank e teve origem no esquema Troika Laundromat. As autoridades judiciais holandesas recusaram revelar se estão a investigar o caso.

Turkiye Garanti Bankasi A.S.

Turkiye Garanti Bankasi A.S.

A unidade holandesa deste banco turco processou transações de 200 milhões de euros que tiveram origem em dois bancos da Lituânia que estão no centro do Troika Laundromat. Ainda é conhecido se o Turkiye Garanti Bankasi está a ser investigado.

 

Negócios com Bloomberg 06 de Março de 2019 às 19:34
  • Assine já 1€/1 mês
  • 7
  • ...

Vários bancos europeus estarão envolvidos em alegadas operações de lavagem de dinheiro com origem na Rússia. Muita da informação disponível sobre estes possíveis envolvimentos foi avançada pela OCCRP (organização internacional que integra jornalistas e investiga esquemas de corrupção) e fornecida a vários media.

 

Este esquema de lavagem de dinheiro foi denominado Troika Laundromat pela OCCRP, uma vez que no epicentro do caso está o banco de investimento russo Troika Dialog.

Laundromat é lavandaria em inglês. A investigação centra-se na utilização de bancos nos países bálticos (alguns sucursais de grandes bancos europeus) para lavar dinheiro proveniente de atividades criminosas na Rússia. 

 

As últimas revelações da investigação Troika Laundromat têm por base uma das maiores fugas de informação no sistema bancário, pois envolvem cerca de 1,3 milhões de transações e 238 mil clientes bancários, grande parte deles de empresas de fachada com conta num banco da Lituânia, o Ukio Bank, que entretanto entrou em insolvência.

 

O Guardian, que foi um dos jornais com acesso a estes dados obtidos pelo OCCRP, adianta que o número de bancos envolvidos neste esquema tem vindo a aumentar e tal deverá continuar, uma vez que está a ser divulgada nova informação numa base diária.

 

O Credit Agricole e o Raiffeisen foram os bancos mais recentemente "apanhados" neste caso. As ações do banco austríaco chegaram a cair 15% na sessão de terça-feira, depois de o ativista anti-corrupção Bill Browder ter revelado que colocou uma ação contra o Raiffeisen, uma vez que este não detetou operações de lavagem de dinheiro proveniente de atividade criminal na Rússia.

 

Browder, um dos fundadores do Hermitage Fund, tem nos últimos anos denunciado vários casos de lavagem de dinheiro, interpondo ações legais contra diversos bancos. O seu advogado, Sergei Magnitsky, morreu numa cadeia russa depois de ter revelado uma fraude de 230 milhões de dólares que penalizou o fisco russo. 

 

Nesta altura decorrem investigações judiciais sobre este escândalo  nos países bálticos, nos Estados Unidos, Reino Unido e vários países do Norte da Europa. Em cima está a listagem de bancos que estão a ser relacionados com este escândalo de lavagem de dinheiro russo. As estimativas do FMI apontam para que as operações de lavagem de dinheiro abranjam montantes que correspondem a 2 a 5% do PIB mundial por ano (ou um máximo de 2 biliões de dólares).

Ver comentários
Saber mais OCCRP Credit Agricole Hermitage Fund Troika Laundromat Troika Dialog Laundromat Ukio Bank
Outras Notícias