Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Ricciardi: Morais Pires “foi interveniente directo” no esquema da Eurofin

José Maria Ricciardi garante que Amílcar Morais Pires foi “interveniente directo em graves operações financeiras que estão a ser objecto de investigação criminal”. Em causa está o esquema de financiamento do BES através da Eurofin. O presidente do BESI critica ainda o antigo gestor por “desvalorizar a sua especial relevância dentro do banco”.

Miguel Baltazar/Negócios
Negócios 15 de Dezembro de 2014 às 21:11
  • Assine já 1€/1 mês
  • 12
  • ...

Amílcar Morais Pires foi "interveniente directo em graves operações financeiras que estão a ser objecto de investigação criminal", acusa José Maria Ricciardi, presidente do BES Investimento, numa carta enviada esta segunda-feira, 15 de Dezembro, à comissão parlamentar de inquérito à gestão do BES e do GES. Em causa está o esquema de financiamento do banco e do grupo, através da Eurofin, que o governador do Banco de Portugal considerou "fraudulento".

 

A missiva surge depois de o antigo administrador financeiro do BES ter ido ao Parlamento afirmar que Ricciardi era um dos números dois de Ricardo Salgado, antigo presidente do BES. "Havia pessoas muito importantes a trabalhar no banco", sublinhou Morais Pires, referindo expressamente "o dr. José Maria Ricciardi".

 

O presidente do BESI contesta esta visão, referindo que o objectivo de Morais Pires com as declarações sobre si foi "camuflar a sua eventual responsabilidade" e "desvalorizar a sua especial relevância dentro do banco".

 

Mas mais de duas páginas da missiva de Ricciardi são dedicadas a afastar a sua responsabilidade na avaliação do risco da Espírito Santo International que serviu de base à comercialização de papel comercial desta "holding" junto de clientes de retalho do BES. O banqueiro garante que essa "avaliação não obedeceu à tramitação habitualmente exigida", não tendo sido do conhecimento do administrador responsável pelo departamento de risco, Joaquim Goes.

 

Além disso, o presidente do BESI afirma que a decisão de colocar papel comercial junto dos clientes do BES "competia ao departamento de gestão de poupança, dirigido pelo administrador dr. Morais Pires".

Ver comentários
Saber mais José Maria Ricciardi BESI Amílcar Morais Pires BES Eurofin
Mais lidas
Outras Notícias