Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Portugal foi o país da UE com maior crescimento das vendas a retalho em abril

As vendas a retalho em Portugal cresceram acima dos países da UE tanto na comparação com o mês anterior como face a abril do ano passado.

Retalho vai ganhar com transferência do consumo de fora para dentro de casa.
António Pugliese
Rita Faria afaria@negocios.pt 04 de Junho de 2021 às 10:18
  • Assine já 1€/1 mês
  • 5
  • ...

As vendas a retalho em Portugal aumentaram 4,3% em abril, face ao mês anterior, a maior subida registada entre os países da União Europeia. Tanto no bloco regional como na Zona Euro, este indicador teve um comportamento negativo, com uma descida de 3,1% face a março.

Depois de Portugal, as maiores subidas foram observadas na Letónia (3,8%) e na Lituânia, enquanto as maiores descidas foram registadas na Eslovénia (-10,4%), Dinamarca (-8,6%) e França (-6%).

De acordo com os dados do Eurostat, a descida na União Europeia foi motivada sobretudo pela queda de 4,7% na venda de bens não alimentares e de 1,9% na alimentação, álcool e tabaco.

Já na Zona Euro, o volume de vendas desceu 5,1% para os produtos não alimentares e 2% para alimentos, álcool e tabaco e aumentou 0,4% no caso dos combustíveis.

Na comparação com o mesmo mês do ano passado, as vendas a retalho em Portugal cresceram 27,2%, igualmente acima do desempenho dos países da União Europeia (22,4%) e da Zona Euro (23,9%).

Entre os Estados-membros da UE, as maiores subidas foram observadas no Luxemburgo (46,1%), França (42,1%) e Roménia (41,7%).

Ver comentários
Outras Notícias