Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Detenção de Vieira já retirou 5,3 milhões de valor em bolsa à Benfica SAD

As ações da SAD do Benfica recuaram 5,5% no dia da detenção de Luís Filipe Vieira, a maior queda em 15 meses. Esta quinta-feira já chegaram a estar a subir, mas perdem neste momento 2,06%.

  • Assine já 1€/1 mês
  • 12
  • ...
A detenção do presidente do Benfica e da Benfica SAD, Luís Filipe Vieira, continua a pressionar as ações da SAD "encarnada". Vieira será presente a primeiro interrogatório judicial esta tarde, sendo suspeito de crimes de fraude fiscal, burla, abuso de confiança e branqueamento de capitais.

Após terem recuado 5,5% ontem, a maior queda em 15 meses, as ações do Benfica chegaram a subir 2,75% a meio da manhã desta quinta-feira, mas seguem agora a perder 2,06%, para os 2,85 euros.

Face ao fecho de terça-feira, 6 de julho, a capitalização bolsista da SAD do clube da Luz perdeu já cerca de 5,3 milhões de euros e encontra-se abaixo do valor registado na sua estreia em bolsa.

Neste momento, o valor em bolsa da SAD cifra-se em 65,55 milhões de euros, abaixo dos 66,63 milhões do dia de estreia, a 22 de maio de 2007. 

O valor máximo alcançado pela SAD foi observado em janeiro de 2020, quando superou os 109 milhões de euros. Em dezembro de 2012 o valor em bolsa registou um mínimo histórico de apenas 5,5 milhões de euros. 

A SAD do Benfica, recorde-se, tem em curso uma emissão obrigacionista com um montante inicial de 35 milhões de euros, que poderá ser aumentado por decisão da SAD até 13 de julho.
Ver comentários
Saber mais Luís Filipe Vieira Benfica SAD futebol ações capitalização bolsista detenção
Outras Notícias