Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Credit Suisse diz erro faz subir lucros do quarto trimestre em 18%

O Credit Suisse Group, segundo maior banco da Suíça, anunciou hoje que exagerou os lucros do quarto trimestre em 18% devido a um erro contabilístico na sua unidade seguradora alemã.

Ana Filipa Rego arego@negocios.pt 26 de Março de 2004 às 14:54
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Credit Suisse Group, segundo maior banco da Suíça, anunciou hoje que exagerou os lucros do quarto trimestre em 18% devido a um erro contabilístico na sua unidade seguradora alemã.

O erro contabilístico levou o banco a baixar os lucros do quarto trimestre de 2003 para mil milhões de francos suíços, face à anterior estimativa de 1,2 mil milhões de francos suíços (772 milhões de euros). Os lucros do ano passado, baixaram de 5,2 mil milhões de francos suíços (3,34 mil milhões de euros) para cinco mil milhões de francos suíços.

O Credit Suisse regressou aos lucros no ano passado, depois de ter registado um prejuízo recorde de 3,3 mil milhões de francos suíços (2,12 mil milhões de euros) em 2002. O presidente e o co-presidente executivo, John Mack e Oswald Gruebel, respectivamente, reduziram mais de dez mil postos de trabalho.

John Mack, em funções desde Janeiro de 2003, disse, o mês passado, que restituir as receitas é a prioridade número um para este ano.

O Credit Suisse anunciou igualmente que nomeou Walter Berchtold presidente das operações de banca do grupo nesse país, uma vez que procura competir com o maior gestor de dinheiro do mundo, o UBS, que tem ganho quota de mercado na banca de investimento, noticiou hoje a Bloomberg.

Walter Berchtold vai dirigir uma nova unidade que combina a banca para os consumidores, as empresas e os clientes mais abastados e perfez quase dois terços dos lucros operacionais do grupo no ano passado.

As acções do Credit Suisse seguiam a cair 1,83% para os 42,8 francos suíços (27,51 euros).

Outras Notícias