Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PT só deve vender Vivo “por mais de 3 mil milhões”

O Citigroup reiniciou a cobertura das acções da Portugal Telecom, recomendando "compra" e colocando o preço-alvo nos 12,5 euros. No "research" de hoje, a casa de investimento desaconselha a PT a vender a Vivo "a não ser que o preço de venda seja bem super

Filipe Paiva Cardoso filipecardoso@mediafin.pt 18 de Maio de 2007 às 09:37
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Citigroup reiniciou a cobertura das acções da Portugal Telecom, recomendando "compra" e colocando o preço-alvo nos 12,5 euros. No "research" de hoje, a casa de investimento desaconselha a PT a vender a Vivo "a não ser que o preço de venda seja bem superior aos 3 mil milhões de euros", valor que compara com os 1,8 mil milhões que a posição dos portugueses na operadora brasileira está avaliada no mercado.

"Apesar da posição na Telecom Italia, acreditamos que a maior prioridade da Telefónica continua a ser assegurar o controlo total da Vivo" avança a análise do Citigroup. A venda da parte da PT na Vivo por mais de três mil milhões de euros deveria trazer um impacto positivo de 1,5 euros na acção do grupo português.

Esta análise ainda refere que tanto a PT como a Sonaecom deverão conseguir ir buscar as sinergias de 2,5 mil milhões de euros que a OPA traria através de operações de consolidação interna. O Citigroup coloca "60% de probabilidades" da Portugal Telecom vender a Vivo ou avançar com operações de consolidação interna.

A casa de investimento reinicia a cobertura das acções da PT 14 meses depois de ter deixado de acompanhar os títulos da operadora.

Citigroup não descarta segunda oferta da Sonaecom sobre a PT no próximo ano

O Citigroup refere ainda que não se deve descartar "uma segunda oferta da Sonaecom pela Portugal Telecom" no próximo ano, isto caso a operadora de Henrique Granadeiro não consiga estabilizar as operações no mercado doméstico e reduza alguma das suas previsões de remuneração accionista.

Ainda sobre a Sonaecom, a casa de investimento vê a empresa nortenha como uma das que irá avançar para a compra da PT Multimédia, colocando a empresa dona da TV Cabo ainda na "lista de compras" de alguns private equities.

As acções da PT [ptc] seguiam a subir 0,60% para os 10,03 euros.

Mais lidas
Outras Notícias