Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Berlim, Kiev, Moscovo e as turbinas da discórdia

O governo alemão pediu e o Canadá aceitou. As turbinas do gasoduto Nord Stream que se encontravam em reparação em Montreal vão ser enviadas à Gazprom, numa exceção às sanções contra a Rússia. Kiev já contestou a decisão.

O governo alemão, liderado por Olaf Scholz, receia que a paragem de 10 dias do Nord Stream se torne permanente. Reuters
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 11 de Julho de 2022 às 08:00
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...

Na iminência de ver o abastecimento de gás natural russo suspenso, o governo alemão apelou ao Canadá para que autorizasse o envio para a Gazprom das turbinas do gasoduto Nord Stream, principal ponto de entrada do gás russo na Alemanha. No sábado, o governo canadiano informou que iria permitir o envio das turbinas, numa exceção às sanções aplicadas a Moscovo.

...

Ver comentários
Saber mais Berlim Kiev Europa Gazprom Moscovo Canadá Alemanha Nord Stream Siemens Bruno Le Maire energia gasoduto sanções Olaf Scholz gás natural
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Outras Notícias