Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Setor das energias renováveis gera 12,7 milhões de empregos globalmente

A energia solar foi identificada como o setor de crescimento mais rápido: em 2021, gerou 4,3 milhões de empregos, mais de um terço da mão-de-obra global atual no setor das energias renováveis.

Energias renováveis
Edgar Martins
Negócios jng@negocios.pt 22 de Setembro de 2022 às 13:03
  • Partilhar artigo
  • ...
De acordo com o mais recente relatório da International Renewable Energy Agency (IRENA), em colaboração com a Organização Internacional do Trabalho (OIT), o emprego a nível mundial no setor das energias renováveis atingiu os 12,7 milhões em 2021, um aumento de 700 mil novos empregos no espaço de um ano. Isto apesar dos efeitos prolongados da covid-19 e da crise energética crescente, de acordo com o documento.

Neste contexto, a energia solar foi identificada como o setor de crescimento mais rápido: em 2021, gerou 4,3 milhões de empregos, mais de um terço da mão-de-obra global atual no setor das energias renováveis.
 
Apresentado durante o Global Clean Energy Action Forum, em Pittsburgh, nos Estados Unidos, o estudo "Energias Renováveis e Empregos: A Revisão Anual de 2022" identifica o tamanho de cada mercado doméstico como um dos principais fatores que influenciam a geração de emprego no setor das energias renováveis, em conjunto com os custos de mão de obra e outros custos. E descreve até que ponto os mercados internos são fundamentais para a mudança de rumo à industrialização da energia limpa. O desenvolvimento das capacidades de exportação das tecnologias de energias renováveis também está dependente disso.
 
"Os empregos no setor das energias renováveis permanecem resilientes e já se revelaram como um motor da geração de emprego. Aconselho que implementem políticas industriais que incentivem a expansão de empregos no setor das energias renováveis a nível nacional. Criar cadeias de abastecimento nacionais não só irá criar oportunidades de negócio, como novos empregos para as pessoas e comunidades locais. Também sustenta a confiabilidade das cadeias de abastecimentos e contribui para uma maior segurança energética em geral", disse Francesco La Camera, diretor-geral do IRENA.
 
O relatório mostra ainda que vários países estão a criar empregos no setor das energias renováveis, sendo que dois terços desses empregos se encontram na Ásia. Só a China representa 42% do total global, seguida da UE e do Brasil, com 10% cada, e dos EUA e da Índia, com 7% cada.
 
"Além dos números, existe um foco crescente na qualidade dos empregos e nas condições laborais no setor das energias renováveis, para se garantir uma empregabilidade decente e produtiva", disse o diretor-geral da OIT, Guy Ryder.
Ver comentários
Saber mais International Renewable Energy Agency IRENA Organização Internacional do Trabalho OIT economia negócios e finanças energia economia (geral)
Outras Notícias